Seguro Viagem no Exterior - Seguros Promo Viagem

Seguro Viagem no Exterior

Seguro Viagem no Exterior.

Quando se tem uma viagem para fora do Brasil em vista, a última coisa que se quer pensar é que será necessária a assistência para resolver alguma emergência no exterior. Mas, afinal, qualquer problema que apareça durante a viagem pode ser considerada emergência? Saiba mais sobre seguro viagem no exterior.

Para esclarecer essa questão, preparamos um post orientando quem busca informações para se prevenir e até mesmo para quem já esteja passando por algum problema ou precisa ajudar alguém que está com dificuldades no exterior. Confira as nossas dicas!

Quais situações são emergências no exterior?

Quando surge algum imprevisto durante uma viagem, principalmente no exterior, a sensação é de que tudo precisa ser resolvido com caráter de urgência. Mas saiba que nem todos os problemas são considerados situações de emergências. Para ser tratado como tal, o caso deve envolver risco à vida, à segurança ou à dignidade de cidadãos brasileiros.

Então, para a embaixada e consulado do Brasil, são emergências: ocorrências policiais, detenções,  catástrofes naturais, conflitos armados, acidentes e hospitalizações, casos de violência e maus tratos, casos de tráfico de pessoas, falecimentos e inadmissões/deportações.

Quais situações não são emergências no exterior?

Já outras situações, mesmo que causem muitos transtornos, não são tratadas com caráter emergencial, como: perda de passaporte ou outros documentos, extravio de bagagens, vencimento de documentos de viagem, perdas de voos e recusa de concessão de vistos por autoridades estrangeiras. 

Muitas dessas circunstâncias podem ser contornadas por meio de um seguro de viagem que não deve ser dispensado antes de seguir para as férias. Então, mesmo se você não for viajar para um país que exija a contratação de um seguro de viagem, não dispense o serviço, pois é a melhor forma para resolver esses tipos de problemas. Por meio das seguradoras, você será orientado de forma prática, rápida e segura.

Como e onde solicitar assistência?

emergência no exterior

O Ministério das Relações Exteriores orienta que, em casos de emergência em outro país, ou seja, quando existir risco à vida, segurança ou dignidade de cidadãos brasileiros, deve-se solicitar assistência consular. Há duas formas para fazer isso, a partir do Brasil ou do exterior.

Se estiver no fora do país, você deve procurar o consulado ou embaixada brasileira mais próxima para solicitar assistência. No Portal Consular, encontra-se a lista completa com as embaixadas e consulados brasileiros de todo o mundo e as formas de contatá-los.

Se você estiver no Brasil, tentando ajudar um cidadão brasileiro que está em situação de emergência no exterior, a assistência deve ser solicitada pelo Núcleo de Assistência a Brasileiros (NAB), que fica em Brasília. O NAB é responsável por encaminhar a solicitação à embaixada ou consulado de onde a pessoa estiver passando por problemas e por intermediar os contatos deste cidadão com a sua família.

Ao solicitar assistência consular, o ideal é que se forneça o máximo possível de informações sobre o caso. Entre elas, é importante registrar o nome completo do brasileiro que precisa de ajuda, sua data de nascimento, filiação, número do passaporte e relatar a ocorrência – o que aconteceu, onde, telefone de contato e endereço para localização.

Em casos de conflitos ou catástrofes naturais, há orientações direcionadas a cada tipo de situação para que o cidadão brasileiro envolvido consiga se alojar ou deixar o local, caso seja necessário. O contato deve acontecer da mesma forma, pela embaixada ou consulado do Brasil mais próximo, ou pelo NAB, se partir do Brasil.

Se estiver em país que enfrenta conflitos políticos e/ou tensões sociais significativas, recomenda-se evitar o envolvimento em manifestações políticas e permanecer abrigado. A embaixada ou consulado entrará em ação, caso os conflitos atinjam os pontos de saída do país, como aeroportos e portos, para avaliar a melhor forma de evacuação.

Para casos de atentados terroristas, há instruções no Portal Consular que devem ser seguidas criteriosamente para se obter mais segurança.

E em casos de desastres naturais – como furações, terremotos, tsunamis, tufões e erupções vulcânicas –, primeiramente, é importante que o cidadão mantenha a calma. Assim, poderá seguir as orientações de segurança. De acordo com a catástrofe, a pessoa pode precisar procurar abrigos temporários, fugir de zonas de riscos, tentar acompanhar as recomendações locais divulgadas por veículos de comunicação, quando for possível, e até buscar orientações com autoridades locais. É importante também manter contato com familiares sempre que for viável.

Em situações de emergência, é possível encontrar instituições de caridade que também dão suporte a estrangeiros, paralelamente aos órgãos de apoio aos imigrantes locais. Nesse caso, há ajuda de intérpretes e advogados para mediações com as autoridades locais, além de fornecimento de abrigos e alimentos, quando necessário.

Como se prevenir de emergências quando estiver em outro país?

emergência no exterior

Antes de viajar, pesquise bastante sobre o seu destino para se prevenir de riscos desnecessários. Aos viajantes que gostam de caminhar, é importante identificar as zonas mais perigosas da cidade, para evitar circular por estas redondezas. Também é necessário estar atento aos horários indicados para andar em determinados lugares.

Ao fazer o roteiro de viagem, busque o máximo de informações em relação às previsões climáticas do seu destino para quando você pretende ir. Há países que oferecem mais riscos de catástrofes naturais em determinados períodos do ano, então evite essas situações.

Vale acompanhar também as notícias locais para se informar se há cenários previstos para possíveis conflitos políticos, atentados terroristas ou guerras civis, por exemplo.

Em caso de viagem corporativa, é ainda mais importante checar a validade de documentos, passaporte e vistos, além de pesquisar sobre o destino. Fique atento às malas por onde circular com elas. Quando precisar utilizar serviço de táxi, prefira sempre as empresas conhecidas ou cadastradas no local do embarque. Evite ao máximo chamar a atenção. Prefira classe econômica para viagens curtas. E se a equipe for grande, o ideal é que todos sigam viagem em voos distintos para evitar que o grupo todo tenha problema por algum imprevisto da aeronave.

Viajar com segurança é sempre a melhor opção para a viagem superar as expectativas. Siga as nossas dicas e se previna de emergências no exterior e não deixe de acessar o nosso Instagram, Facebook e Twitter para planejar melhor as suas viagens.

compartilhar no facebook compartilhar no twitter
Compre aqui seu seguro viagem
Como podemos falar com você?

Segue a gente