Como arrumar a mala? 12 truques para facilitar sua vida! - Seguros Promo - Seguro Viagem On-line

Como arrumar a mala? 12 truques para facilitar sua vida!

Como arrumar a mala? 12 truques para facilitar sua vida!.

Como arrumar a mala ideal? Quem não gostaria de ter um botão que, ao pressioná-lo, deixaria sua mala perfeitamente pronta para ir direto ao destino das férias tão planejadas? Mas, como isso está longe de existir, o melhor a fazer é conhecer os métodos mais eficientes de como arrumar a mala.

Então, pare de querer levar toda a sua casa e esquecer o que realmente precisa. Neste post, nós te daremos várias dicas para acabar com a dificuldade que você enfrenta na hora de viajar, e te ensinaremos tudo sobre como arrumar a mala. Confira!

1. Lista: o coringa de uma mala bem-feita

Quando se planeja uma viagem, sempre gera muita expectativa. E para tudo sair como o desejado, fazer uma lista é indispensável — principalmente se você não souber como arrumar a mala.

Faça-a como você achar mais adequada. A forma mais simples é colocar o que precisa, sem quantidade; com o tempo, você vai aperfeiçoando a seu gosto. Mas guarde sempre a checklist da última viagem, para facilitar nas próximas!

2. Adequar a mala ao destino

É sempre importante levar em consideração os detalhes do destino para saber como arrumar a mala. Clima, tipos de passeios, ritmo do dia e da noite, estilo de viagem, quantos dias ficará; enfim, quanto mais pontos a serem levantados, melhor. De qualquer forma, o conforto deve ser primordial ao escolher as roupas e calçados que serão levados.

3. Peças básicas sempre

Se não quiser errar, opte sem medo por peças básicas. Além de facilitar nas combinações, elas podem te ajudar a diminuir o volume da mala — afinal, roupas básicas são coringas e podem tranquilamente ser repetidas durante a viagem.

4. A bagagem de mão pode te ajudar

O extravio de bagagem tem sido recorrente nos aeroportos, então, é sempre bom ir prevenido contra isso, na medida certa. Antes de preparar, confira as regras do que pode embarcar em caso de viagens de avião. O ideal para a bagagem de mão é uma muda de roupa, três peças de roupas íntimas, um casaco, kit de higiene com desodorante, creme dental e escova de dente, carregadores de celular e computador (se for necessário na viagem).

Além disso, no caso de um eventual extravio, o seguro pode se tornar o seu melhor amigo. Há planos de acordo com as suas necessidades, que a reembolsam devidamente e podem ser a solução do transtorno que um extravio de mala pode causar.

5. Bagagem identificada sempre

Tanto a bagagem de mão quanto as malas que forem despachadas devem ser identificadas, sempre. Preencher com cuidado a etiqueta de identificação da mala pode te ajudar bastante caso a companhia aérea perca a sua bagagem, ou mesmo se você esquecer a bagagem de mão pelo aeroporto.

6. A medida certa é para 15 dias

Coloque como regra que o máximo que você deve levar para uma viagem é o suficiente para 15 dias, mesmo que você fique mais tempo do que isso. Essa é uma boa dica — e está aliada àquela anterior das peças básicas — afinal, não há problema nenhum em lavar e repetir roupas.

7. De olho nas restrições de bagagens

Tanto os voos domésticos quanto os internacionais têm o limite de peso por bagagem. Nos nacionais, cada passageiro tem direito a uma mala, e não pode ultrapassar 23 kg. Já nos internacionais, são duas malas por pessoa, com 32 kg cada.

Isso não significa que você pode somar os pesos das duas malas — se uma tiver menos de 32 kg e a segunda passar um pouco do limite, deve redistribuir os itens da bagagem antes de despachar, para evitar pagar por excesso. Por isso é importante pesar as malas antes de chegar ao aeroporto.

Além disso, quem tiver bebê pode levar um carrinho ou um bebê conforto e uma cadeirinha de transporte. Em voos internacionais, o bebê ainda tem direito a uma bagagem de 10 kg.

8. Otimizando o espaço

Há diversas maneiras de otimizar o espaço na sua mala, e você pode aproveitar todas elas. Para isso, é fácil encontrar no mercado kits de higiene para viagem — tudo vem em miniatura: escova de dente, creme dental, enxaguante bucal e embalagens reaproveitáveis para xampu, condicionador e sabonete.

Usar saquinhos para organizar a mala também é excelente: além deixar tudo em ordem, você ganha mais espaço. E ainda há os sacos a vácuo, que diminuem significativamente o volume dos itens mais pesados da sua bagagem.

Quanto à ordem para arrumar os itens na mala, a melhor é colocando os sapatos (as meias podem ir dentro deles) e as calças, que são mais pesados, no fundo da mala, e as roupas mais leves por cima. Coloque sempre por último as peças que amarrotam fácil, para que não amassem tanto.

9. Soluções para não amarrotar as roupas

Leve, pelo menos, dois cabides na mala para estender as roupas que amarrotam fácil — colocá-las estendidas no banheiro para pegarem o vapor dos banhos quentes é uma opção para desamarrotá-las. Outro segredo interessante é colocar cintos enrolados dentro das golas de camisas sociais, na mala, para não amassá-las.

E outra dica que dá muito certo para as mulheres é levar vestidos de tecidos leves embrulhados em papel de seda. O segredo aqui é arrumá-los de forma que o tecido tenha contato apenas com o papel, a cada dobra, para não amassar.

10. Cuidados com os líquidos

É desesperador chegar à viagem que você tanto planejou, abrir a mala e se deparar com tudo sujo por ter derramado um creme, ou xampu, por exemplo. Então, previna-se; quando estiver arrumando a mala, abra as embalagens dos produtos, vede-as cada uma com papel filme ou plástico, e volte a tampá-las.

11. Kit de primeiros socorros

É importante também se lembrar de montar uma “farmácia básica”. Para isso, já são suficientes os remédios de rotina, e aqueles que você pode precisar em casos de dor de cabeça, febre ou desconfortos digestivos, por exemplo. Lembre-se: primeiros socorros para viagem são apenas para emergências.

Se você tem histórico alérgico ou problemas respiratórios, mesmo que não faça uso contínuo de remédios, é importante levar os medicamentos destinados para estes fins, pois alguns lugares podem exigir a receita médica para comprá-los. E, se tiver crianças, siga à risca as recomendações médicas para montar o seu kit.

12. Deixe espaço para as compras

Por fim, é quase impossível viajar sem comprar nada, e esse é justamente mais um motivo para não exagerar na hora de arrumar a mala — na volta, a bagagem sempre vem maior. Então, não se esqueça de deixar um espaço para as compras antes de fechar sua mala para embarcar!

E então, gostou do post? Viu como arrumar a mala sem erros? Com certeza, seguindo essas dicas, a viagem que você planeja fazer em família será ainda melhor. E aproveite também para ler mais sobre o que fazer em caso de extravio de bagagem!

como arrumar a mala

compartilhar no facebook compartilhar no twitter
Compre aqui seu seguro viagem
Como podemos falar com você?

Segue a gente