icone segurospromo
Cobrimos qualquer oferta!
Garanta o menor preço do mercado
Pesquisar!
16 outubro - 9 minutos de leitura.

Descubra tudo sobre a Antártida: informações, mapa e curiosidades 

Chris standing up holding his daughter Elva Dicas de Viagem

Se você quer saber tudo sobre a Antártida, este é o artigo certo para você! Reunimos todas as informações que você precisa para planejar sua viagem ao destino mais selvagem do mundo!

Há séculos as paisagens extremas do continente mais ao sul do globo têm encantado exploradores e cientistas, mas foi só nas últimas décadas que o turismo antártico começou a ganhar fôlego.

Para muitos uma fronteira a ser superada, a Antártida é um lugar diferente de tudo que você já viu, onde o contato com a natureza é privilegiado e você poderá aprender mais sobre as origens do nosso planeta.

No entanto, como você já deve imaginar, visitar o lugar mais inóspito do mundo é uma aventura que deve ser muito bem planejada, afinal, as chances de imprevistos são maiores e você terá pouca infraestrutura à qual recorrer em caso de problemas.

Pensando nisso, criamos um guia com tudo que você precisa saber sobre a região e dicas para montar seu roteiro de viagem! Veja só!

Cote os melhores seguros de viagem com 15% de desconto neste link

Tudo sobre a Antártida: o que saber sobre o continente?

A primeira coisa que você tem que saber sobre o continente gelado é que tudo sobre a Antártida é extremo.

Icebergs moldam a paisagem, que em muitas vezes se parece mais um cenário alienígena, completamente colorido pelo branco da neve e o azul do céu, por onde vivem pinguins, focas e outros animais perfeitamente preparados para o frio intenso.

As temperaturas desafiam a lógica e as condições climáticas variam violentamente em poucas horas: situações que parecem não incomodar os poucos privilegiados que têm a oportunidade de conhecer o continente mais isolado do mundo.

A vida circula em torno das estações de pesquisas, verdadeiras cidades improvisadas em meio à imensidão branca, onde você encontra alojamento, comida e alguma estrutura médica e de serviços.

Fora das estações, o viajante encontra uma fauna riquíssima, onde vivem espécies que não existem em nenhum outro lugar do mundo, ilhas de gelo e montanha, vulcões congelados que ajudaram a moldar a face da Terra e muitos outros cenários incríveis!

Em outras palavras, a Antártida pode até ser um continente extremo, que merece respeito, mas definitivamente é um destino possível, que já é visitado por mais de 50 mil pessoas por ano!

Em que país fica a Antártida?

Antes de qualquer coisa, é importante compreender que o destino gelado não pertence a nenhum país.

Em 1959 o Tratado da Antártida foi assinado por mais de 50 países, definindo que, até a década de 2040, o território não pode ser reclamado por nenhum país: é destinado exclusivamente à pesquisa científica.

A região onde fica a Antártida está no ponto mais austral do globo terrestre, a mais de 1.000 km de Ushuaia, na Argentina, em um lugar conhecido como “Fim do Mundo”.

Por isso, a principal forma de chegar ao continente de gelo é a partir de cidades do extremo sul da América do Sul, como a própria Ushuaia ou a cidade de Punta Arenas, na Patagônia Chilena.

Apesar disso, a localização extrema é vantajosa para quem deseja conhecer alguns dos lugares menos visitados do planeta, como as Ilhas Malvinas ou as Ilhas Geórgia do Sul: boa parte dos roteiros antárticos incluem passagens por esses destinos.

Por que a Antártida é considerada um continente?

Por que a Antártida é considerada um continente?
Fonte: Pexels

Tudo sobre a Antártida é superlativo, mas não é apenas o seu tamanho impressionante que faz com que a Antártida seja considerada um continente, e não um país, ilha ou arquipélago. 

A estrutura geológica da região é a principal justificativa para o status continental.

A Antártida forma o continente antártico por ser composto por camadas de rocha abaixo de toda aquela imensidão de gelo, diferentemente do Ártico, no Polo Norte do globo, que não tem terra firme e é formado exclusivamente por gelo.

Aliás, vale pontuar que o próprio nome do continente é uma referência a seu paralelo do norte: Antártica significa o “anti-Ártico”!

Quais as principais características da Antártida?

Embora esteja atraindo cada vez mais visitantes, a Antártida é um lugar inóspito e extremo, onde todas as dimensões beiram o absurdo para formar um cenário surreal.

Em nenhum lugar do mundo faz mais frio, venta mais, há menos umidade, é mais árido ou mais isolado que o continente gelado!

No entanto, mesmo esse contexto aparentemente estéril pode sustentar vida, inclusive a humana, o que acaba tornando a imensidão de gelo um destino privilegiado.

Confira as principais características da região!

Antártida: população

Quarto maior continente do planeta, a Antártida não tem população nativa

Todos os seus moradores são oriundos de outros cantos do globo, especialmente de sete países: Argentina, Austrália, Chile, França, Noruega, Nova Zelândia e Reino Unido. Existe até uma pequena colônia brasileira por lá!

Além disso, o continente também não tem uma população fixa: os números de moradores antárticos flutua no decorrer do ano, variando entre cerca de 1.000 pessoas no inverno e pouco mais de 4.000 pessoas na estação mais quente.

Essa população é formada principalmente por cientistas e equipe de apoio que trabalham nas estações de pesquisa, bem como alguns militares de diferentes nacionalidades.

Qual é o tamanho da Antártida?

Qual é o tamanho da Antártida?
Fonte: Unsplash

Como você já deve ter notado, tudo sobre a Antártida é extremo, e seu tamanho não seria diferente.

Estamos falando de um território que ocupa mais de 10% de todo o planeta, com mais de 14 milhões de km², estendendo-se por todo o Hemisfério Sul, desde as proximidades da América do Sul até a Oceania!

Como é o clima da Antártida?

As condições climáticas locais, assim como praticamente tudo sobre a Antártida, são imprevisíveis, mas uma coisa é certa: sempre faz muito frio por lá!

Em 1983, foram registradas temperaturas de quase -90ºC, as mais baixas da história, na estação científica Vostok. 

No verão, o clima do continente antártico muda o suficiente para tornar a vida mais fácil para seus moradores e turistas: os termômetros sobem para “agradáveis” -12ºC.

O frio não é o único desafio para os visitantes. Muitas vezes, as condições de vento e neve desfavoráveis podem resultar em passeios cancelados, já que até mesmo resgates são mais difíceis na Antártida. 

Por conta das temperaturas extremas, é justamente o verão a estação mais indicada para turismo, pois o sol brilha por até 20 horas por dia e o frio fica bem mais tolerável nessa época do ano.

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de
    viagens no seu e-mail!
    Fique tranquilo, não enviamos spam!

    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores dicas de viagem diretamente no seu e-mail.

    Seguro viagem para a Antártida

    Se tudo sobre a Antártida é extremo, isso também quer dizer que o viajante deve se proteger e se resguardar em diferentes cenários que podem colocar o sucesso da sua viagem ao continente gelado em risco.

    Como o Polo Sul fica distante de qualquer grande centro urbano, os seguros de saúde tradicionais não incluem o território antártico em suas áreas de cobertura.

    Por isso, o seguro viagem é obrigatório para quem deseja visitar a região, com exigência de uma cobertura de evacuação em caso de emergência, atendimento médico e até mesmo repatriação em caso de morte.

    Você pode fazer a cotação de seguro viagem para a Antártida pelo melhor preço do mercado em nosso buscador, Seguros Promo, que oferece coberturas exclusivas para te proteger durante sua aventura pelo Polo Sul.

    Nossa plataforma te ajuda a comparar ofertas e oferece atendimento 24 horas por dia, 100% em português, por WhatsApp, e-mail, telefone e chat.

    Seguro Viagem: Seguros Internacionais
    Intermac 60 Long Stay Inter (exceto EUA) Intermac 60 Long Stay Inter (exceto EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.000 (SUPLEMENTAR) R$ 27/dia*
    AC 35 MUNDO (Exceto EUA) AC 35 MUNDO (Exceto EUA) Assistência médica USD 35.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 27/dia*
    Affinity 60 USA & CANADÁ Promocional Affinity 60 USA & CANADÁ Promocional Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 800 (SUPLEMENTAR) R$ 26/dia*

    Mapa da Antártida

    As estações de pesquisa estão espalhadas por todos os mais de 14 milhões de km² do território do continente! Confira o mapa da Antártida!

    O que existe na Antártida?

    Agora você já sabe quase tudo sobre a Antártida, mas ainda falta descobrir quais as principais atrações do continente gelado!

    Confira o que conhecer por lá!

    Estações de pesquisas

    Estações de pesquisas
    Fonte: Flickr / CC0

    Durante a sua viagem você terá a oportunidade de conhecer algumas estações de pesquisas e militares, conforme o roteiro percorrido e a disponibilidade das instalações na época da sua visita.

    Nestes passeios, os viajantes visitam as bases de diferentes países instalados no continente e até saborear uma boa refeição no melhor estilo antártico!

    Além disso, alguns itinerários incluem antigas estações baleeiras e de pesquisa abandonadas que se transformaram em verdadeiros sítios arqueológicos antárticos, com direito a explicação especial dos guias.

    Uma fauna rica e diversa

    Se você perguntar para uma pessoa leiga o que tem na Antártida, ela provavelmente vai citar “gelo” e dificilmente vai apontar a riqueza da fauna local. 

    Há quem acredite que nenhuma espécie viva por lá, mas isso está longe de ser verdade.

    A Antártida é um lugar em que a fauna é diversa e abundante, com grandes colônias de pinguins e mamíferos de diferentes portes, como elefantes-marinhos e focas-leopardo, além de baleias, crustáceos e muitos outros.

    Existem passeios específicos para quem quer conhecer os animais antárticos, que incluem desembarques em colônias com milhares de pinguins e outras espécies.

    Ilhas e cenários impressionantes

    Ilhas e cenários impressionantes
    Fonte: Flickr / CC BY-ND 2.0

    Não tenha dúvidas: o cenário selvagem do deserto antártico reserva ao visitante a oportunidade de contemplar paisagens impressionantes, diferentes de qualquer outro lugar que você já tenha visitado.

    Icebergs que chegam ao tamanho de países, montanhas cobertas de gelo, vulcões e outros cenários podem tornar a sua viagem ainda mais inesquecível.

    Isso sem falar nas Ilhas Geórgia do Sul, um antigo porto de embarcações escandinavas baleeiras, a Ilha Deception, uma das maiores do mundo, e as Ilhas Shetland do Sul, no extremo norte.

    Vulcões congelados

    Durante sua visita, você terá a oportunidade de conhecer um vulcão congelado e chegar bem perto de sua cratera!

    A Deception Island oferece acesso a um vulcão ativo, cuja última erupção ocorreu na década de 1970, através de um portal de 150 metros: provavelmente o único vulcão em atividade que pode ter seu interior visitado.

    Lembre-se, ainda, de que a Antártida foi formada por intensas atividades sismológicas e vulcânicas, o que significa que você também pode encontrar termas de águas quentinhas em alguns cantos do continente branco!

    O encontro entre os oceanos

    Quem chega à Antártida pelo mar deve enfrentar o temido Mar de Drake, entre a Patagônia e o Polo Sul, onde os oceanos Atlântico e Pacífico se encontram.

    As condições de navegação são extremas e as embarcações devem superar ondas de até 10 metros de altura, icebergs do tamanho de edifícios e até furacões pelo caminho!

    Mesmo com tantas dificuldades, o transporte pela região é bastante seguro: os barcos são desenvolvidos especificamente para enfrentar essas adversidades.

    Mesmo que você sinta um frio na barriga durante o passeio, não tenha dúvidas de que esse é um dos atrativos mais incríveis da Antártida, com paisagens que ficarão gravadas para sempre na sua memória!

    Antártida: curiosidades

    Antártida: curiosidades
    Fonte: Pexels

    A Antártida, ou Antártica (os dois termos são corretos), é um lugar peculiar, que atrai muitos turistas pelo simples fato de ser um destino para pioneiros.

    A visita de turistas só foi permitida em 1940, em números limitados, o que significa que qualquer um que visita o continente está entre os primeiros humanos a alcançar tal façanha.

    Hoje, vários países reclamam a soberania sobre parte do território, incluindo Chile, Argentina, Noruega, Austrália, França e Nova Zelândia, além de mais de 35 países que dispõem de instalações no Polo Sul.

    Confira outras curiosidades sobre o continente antártico!

    Existem cidades na Antártida?

    Não existem cidades na Antártida, mas dezenas de estações de pesquisa de diferentes países estão espalhadas por todo o território e funcionam como minicidades, com médicos, alojamentos e oferta de serviços essenciais.

    A “casa” do Brasil no Polo Sul é a Base Científica Comandante Ferraz, que ocupa mais de 4,5 mil m² da Ilha Rei George: a estação precisou ser reconstruída (e reinaugurada, em 2020) após um incêndio que destruiu a base anterior.

    Quem nasce na Antártida é o quê?

    A Antártida não é um país, e sim um território dividido em bases de diferentes países. Dessa forma, se uma pessoa nascer em uma dessas estações, terá a nacionalidade da bandeira em questão.

    Ou seja, se um bebê nascer na Base Científica Comandante Ferraz, será brasileiro, e não antártico.

    E, antes que você pense que estamos falando de situações hipotéticas, fique sabendo que já nasceram pessoas na Antártida!

    Oito bebês vieram ao mundo na estação argentina Esperanza e, portanto, são argentinos, enquanto outros três nasceram na base Presidente Eduardo Frei Montalva, do Chile.

    O primeiro bebê a nascer no continente branco foi o argentino Emilio Marcos Palma, em 1978, sob um contexto peculiar: a ditadura do general Videla (1976-79) enviou diversas famílias para a Antártida para povoar o território.

    Cotação de seguro viagem para a Antártida

    Depois de ficar por dentro de tudo sobre a Antártida, só falta garantir seu seguro viagem obrigatório para conhecer o continente de gelo! 

    Nessa tarefa, você pode contar com a moderna plataforma de busca do Seguros Promo.

    O viajante consegue comparar ofertas e planos, personalizar a cobertura contratada e ter acesso a uma central de atendimento 24 horas por dia, 100% em português, para assegurar a proteção que precisa para visitar qualquer destino.

    Assim, você não vai precisar se preocupar com gastos extras por eventuais problemas de saúde, evacuação emergencial ou outras situações que podem encarecer a sua viagem.

    Faça uma cotação gratuita para encontrar a melhor opção para o seu seguro viagem! 

    Conhecer as belezas do continente de gelo com segurança e economia? De Promo você pode!

    Seguro Viagem: Seguros Internacionais
    Intermac 60 Long Stay Inter (exceto EUA) Intermac 60 Long Stay Inter (exceto EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.000 (SUPLEMENTAR) R$ 27/dia*
    AC 35 MUNDO (Exceto EUA) AC 35 MUNDO (Exceto EUA) Assistência médica USD 35.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 27/dia*
    Affinity 60 USA & CANADÁ Promocional Affinity 60 USA & CANADÁ Promocional Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 800 (SUPLEMENTAR) R$ 26/dia*

    Continue sua leitura!

    Veja também