icone segurospromo
Cobrimos qualquer oferta!
Garanta o menor preço do mercado
Pesquisar!
18 fevereiro - 9 minutos de leitura.

Pirâmides do Egito: tudo sobre os principais monumentos do país 

Chris standing up holding his daughter Elva África

As pirâmides do Egito estão entre os principais motivos para que turistas de todo canto do mundo coloquem o país africano no roteiro de viagens.

Muitas pessoas, porém, podem se surpreender ao descobrir que elas não se restringem às famosas Queóps, Quéfren e Miquerinos, que ocupam o complexo de Gizé. Em todo o país há mais de uma centena desses impressionantes monumentos históricos.

O que são as pirâmides? Como elas foram construídas, o que há dentro delas? Descubra a resposta para as maiores dúvidas neste post sobre as “jóias” do Egito. 

Cote seu seguro viagem no Seguros Promo com 15% de desconto.

Pirâmides do Egito: história e curiosidades 

É bem provável que as pirâmides façam parte do roteiro de nove em cada 10 pessoas com viagem para o Egito marcada — exagerando um pouquinho, podemos dizer que estão em todos os roteiros.

Não é por menos, afinal estamos falando dos grandes símbolos do país em todo o mundo.

Assim como a Torre Eiffel está para a França ou o Cristo Redentor está para o Brasil, as pirâmides representam o Egito internacionalmente.

Só que elas também simbolizam o glorioso passado de uma das mais notáveis civilizações da Antiguidade. As pirâmides egípcias traduzem, ao mesmo tempo, o enriquecimento, o poder, a fé e a inteligência dos egípcios.

Não acha possível tudo isso? Então este post é para você entender o que são essas imponentes construções e ter ainda mais vontade de vê-las bem de perto.

O que são as pirâmides do Egito?

Pirâmides do Egito o que sao
Fonte: Pixabay

As pirâmides egípcias são estruturas construídas há mais de 4.500 anos onde eram sepultados os faraós, os reis do Egito Antigo.

Feitas de enormes blocos de pedra, que pesavam, em média, mais de 2 toneladas, elas abrigavam em seu interior câmaras mortuárias, corredores estreitos e íngremes, galerias e passagens falsas. 

Por trás de toda essa arquitetura há uma explicação: como os faraós eram “enterrados” com suas riquezas, os locais eram alvos fáceis de ladrões e saqueadores, por isso a intenção era dificultar ao máximo que eles encontrassem o caminho até os sarcófagos. 

Pirâmides eram vistas como símbolo da prosperidade econômica da civilização egípcia por se tratarem de construções grandiosas e modernas para a época.

Ao mesmo tempo, elas representavam o poder dos faraós e a fé que o povo tinha nesses representantes. Além de líderes políticos, eles eram cultuados como filhos de deuses, o que explica a importância religiosa dos faraós para os egípcios.  

Quantas são?

Quando falamos em pirâmides do Egito, a imagem clássica que vem à cabeça é a das Pirâmides de Gizé imponentes perto de outras pirâmides menores.

Bom, se você acha que são elas as únicas pirâmides presentes no país, é hora de saber que esse número é bem maior.

Ao menos 123 pirâmides foram conhecidas e catalogadas até 2008, ano em que aconteceu a última descoberta — sem contarmos as ruínas do que foram, um dia, pirâmides.

Vale ressaltar que nem todas elas apresentam bom estado de conservação, como Gizé, mas ainda assim são parte importante da história egípcia e podem ser vistas por quem viaja pelo Egito.  

Vantagens Promo tem as melhores ofertas para você economizar na sua viagem! Encontre cupons e descontos para passagem aérea, hotel, aluguel de carro, e muito mais! Clique aqui e confira.

Quem as construiu?

Difícil é não ficar imaginando quem construiu as pirâmides do Egito, mas também a forma como elas foram construídas.

Embora no passado esse trabalho tenha sido associado a obras alienígenas, a versão melhor aceita é de que as pirâmides são obras de trabalhadores livres, a maioria deles camponeses.

Nos períodos de cheia do Rio Nilo, os camponeses da região trabalhavam em obras públicas em troca de alimento e cuidados médicos, mas também em devoção aos faraós.

Ok, mas além de saber quem são os responsáveis, como foram construídas as pirâmides do Egito?

Esta sim é uma questão intrigante! O que cientistas e pesquisadores tratam como fato, com base em descobertas arqueológicas, é que os egípcios utilizam trenós de madeira para mover os enormes blocos de pedra — a mais pesada de Quéops tem 6 toneladas!

Para mover os trenós, eram utilizadas cordas, troncos, um sistema de alavancagem (os egípcios tinham conhecimentos avançados para a época) e até a água.

Compre seguro viagem para o Egito!

Seguro Viagem: África
CORIS 30 MUNDO BASIC +COVID19 (EXCETO EUA) CORIS 30 MUNDO BASIC +COVID19 (EXCETO EUA) Assistência médica USD 30.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 24/dia*

O Egito está entre os destinos turísticos do continente africano mais procurados pelos viajantes por suas construções incríveis, cidades históricas e por ser uma viagem barata.

Para conhecer o país, o seguro viagem não é obrigatório, porém deve ser visto como um dos itens essenciais para o seu passeio.

Lembre-se que você estará longe de casa e em um país de cultura bem diferente da nossa. E diante de situações inesperadas, como problemas médicos ou dentários, acidentes, perda de documentos, o seguro vai oferecer a assistência necessária nesses momentos.

Viaje com mais proteção com a ajuda do Seguros Promo. Acesse a nossa plataforma, compare os melhores seguros do mercado e contrate as assistências que você precisa para aproveitar as belezas do Egito pelos menores preços.

Qual é a função das pirâmides do Egito?

As pirâmides eram construídas para servirem de túmulo dos faraós do Egito Antigo.

Mas eles não eram os únicos: familiares, entre eles cônjuges, filhos e mães, sacerdotes e os funcionários de um faraó também eram sepultados nas impressionantes construções.

Isso explica, inclusive, o porquê do formato das obras faraônicas. Eles acreditavam que a estrutura apontando para o céu facilitava a ascensão do faraó ao céu, onde ele seria acolhido pela divindade Rá, após a morte.

A altura dos monumentos também se explica pela crença, pois quanto mais alto, mais próximo ele estaria do céu.

Embora essa seja a finalidade, outras teorias foram usadas ao tentar explicar para que serviam as pirâmides do Egito. Elas já foram ligadas a locais de refúgio e estoque de alimentos, mas nenhuma dessas hipóteses vingou.

O que tem dentro das pirâmides hoje em dia?

Pirâmides do Egito o que tem dentro
Fonte: Pixabay

No imaginário, a ideia de que as pirâmides egípcias guardam os sarcófagos com corpos mumificados dos faraós e suas riquezas deve ser um grande atrativo para conhecê-las.

Mas, infelizmente, é bom tomar um pouquinho de cuidado com toda essa empolgação. 

Nem múmias, nem tesouros serão vistos por quem visita a parte interna das pirâmides. Como dissemos, elas sofreram com constantes saques de ladrões, atraídos pelas riquezas que eram enterradas junto aos faraós.

Só que isso não deve diminuir o interesse, pelo contrário. É possível ver bem de perto a arquitetura planejada das pirâmides e as salas construídas para abrigar os reis egípcios.

Fora isso, você estará dentro de alguns dos monumentos mais importantes de toda a história, ou seja, o passeio continua valendo a pena (e muito!).  

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de
    viagens no seu e-mail!
    Fique tranquilo, não enviamos spam!

    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores dicas de viagem diretamente no seu e-mail.

    É possível entrar dentro da Pirâmide do Egito?

    Mesmo não encontrando um mundaréu de riquezas, você quer conhecer as pirâmides egípcias por dentro?

    A boa notícia é que isso é possível, sim, em algumas pirâmides! As visitas, claro, são feitas com guias e os ingressos são cobrados à parte e limitados.

    Em Gizé, por exemplo, você pode conhecer a Grande Pirâmide de Quéops por dentro. O valor do passeio é de 300 libras egípcias (cerca de R $97, em cotação de dezembro/20).

    Também dá para conhecer as construções menores das Pirâmides de Gizé, desde que haja disponibilidade de ingressos. Os valores também são mais acessíveis.

    Qual a pirâmide do Egito mais antiga?

    Pirâmides do Egito qual a mais antiga
    Fonte: Pixabay

    Se você estiver visitando a cidade de Cairo, Egito, poderá incluir no seu roteiro a pirâmide mais antiga construída no país.

    O título pertence à Pirâmide de Djoser, também conhecida como Pirâmide de Sacará (por sua localização) ou Pirâmide dos Degraus (pelo formato). O monumento está localizado a cerca de 32 km da região central da capital egípcia.

    Djoser foi construída entre os anos de 2.660 a.C e 2.360 a.C, durante a III Dinastia, justamente para servir de túmulo do rei Djoser.

    Com 62 metros de altura, ela chama a atenção por seu aspecto. Esta pirâmide não tem as faces lisas, como as mais tradicionais do Egito.

    A construção foi feita sobrepondo estruturas conhecidas como “mastabas”, que antes serviam de túmulos para os faraós. De formato retangular, elas formaram uma pirâmide cheia de degraus, cada um deles tendo entre 9 e 11 metros.

    Pirâmides de Gizé, Egito

    As pirâmides que formam a Necrópole de Gizé estão entre os principais, senão o principal, atrativos que estimulam o turismo no Egito.

    Contrário ao que muitas pessoas imaginam, elas não ficam no meio do deserto, e sim nos arredores da cidade de Cairo, a capital egípcia.

    Todo o complexo, formado pelas três maiores pirâmides (Quéops, Quéfren e Miquerinos) e seis pirâmides menores, é considerado Patrimônio Mundial da Unesco. Junto a elas está a milenar Esfinge de Gizé.

    O ingresso para conhecer a parte externa das pirâmides custa 120 libras egípcias (cerca de R$ 39, na cotação de dezembro/20). O horário mais indicado para o passeio é pela manhã, não apenas para fugir do calor, mas para evitar ficar sem ingressos.  

    Quéops, a Grande Pirâmide de Gizé 

    Pirâmides do Egito Pirâmides de Gizé
    Fonte: Pixabay

    Conhecida como Grande Pirâmide de Gizé, Quéops é a maior e mais famosa das três pirâmides principais do complexo.

    Com 230 metros de base e 146 metros de altura, ela foi construída por volta do ano de 2.584 a.C para ser o mausoléu do Quéops (ou Khufu, como era chamado pelos egípcios).

    Não é de se surpreender que um monumento tão grandioso tenha envolvido tanta gente em sua construção. Acredita-se que 100 mil homens trabalharam por cerca de 20 anos para colocarem a pirâmide em pé.

    Outro fato curioso sobre uma das mais impressionantes obras da antiguidade é que o corpo do faraó nunca foi encontrado no local.

    As teorias são distintas para explicar o caso: o mais provável é que o sarcófago tenha sido roubado, mas há histórias de que seu corpo nunca teria ido para dentro da pirâmide.   

    Quéfren

    A segunda maior pirâmide em Gizé é a de Quéfren, que abrigou o faraó de mesmo nome, filho de Quéops.

    Em respeito ao pai, Quéfren mandou construir a sua pirâmide com 10 metros a menos de altura. Além dos 136 metros, ela possui a base com 216 metros.

    Turistas que querem conhecer por dentro essa pirâmide podem conseguir comprar o ingresso separado. A nossa dica é: seja esperto! Vários ambulantes ficam tentando vender a entrada a preços absurdos, por isso é importante estar com um guia ou nativos do país.

    Outro fato sobre a pirâmide de Quéfren é que ela é guardada pela Esfinge, o que torna possível comparar a altura de ambas — o contraste impressiona!

    Miquerinos

    Menor entre as mais famosas pirâmides do Egito, com apenas 66 metros de altura e 109 metros de base, Miquerinos foi o sepulcro do filho de Quéfren e neto de Quéops.

    Consequentemente, esta também é a menos antiga das três, tendo sido construída por volta de 2.532 a.C. e 2.503 a.C.

    Ao visitar a região, o turista pode perceber que no lado norte desta pirâmide existe uma lacuna. É que Miquerinos começou a ser “desmontada” a mando de um governante egípcio durante o século XII. 

    Só que como as pirâmides egípcias foram construídas para resistirem ao tempo, a tarefa não se mostrou frutífera e acabou sendo abandonada pouco tempo depois. 

    Esfinge

    Pirâmides do Egito esfinge
    Fonte: Pixabay

    Fazendo frente às Pirâmides de Gizé, a Esfinge se apresenta como uma guardiã dos históricos monumentos egípcios.

    Mesmo com 20 metros de altura, ela fica pequena diante da grandiosidade das pirâmides. Feita em bloco de pedra, ela retrata a figura mítica com corpo de leão e cabeça humana (muitos dizem que é a do faraó Quéops). 

    A imagem simboliza a crença dos egípcios antigos, que eram politeístas e, ao mesmo tempo, tinha caráter antropozoomórfico — ou seja, os deuses apresentavam também características animais.

    Pirâmides do Egito: curiosidades

    Para você terminar a leitura entendendo ainda mais sobre as pirâmides egípcias, veja alguns fatos interessantes para saber sobre elas.

    Como os nomes eram escolhidos?

    Essa é uma curiosidade até fácil de perceber, mas que muitas pessoas podem não ligar rapidamente. Reparou nos nomes dos faraós que foram sepultados em cada pirâmide?

    Pois então, o nome das pirâmides é dado de acordo com o dos faraós que foram eternizados em seu interior. Essa foi uma maneira de representar a grandeza dessas figuras para a civilização egípcia e para os deuses que elas representavam.

    7 Maravilhas do Mundo

    Pirâmides do Egito 7 maravilhas do mundo
    Fonte: Pixabay

    Da lista das 7 Maravilhas do Mundo Antigo, as únicas que estão em pé e preservadas até os dias atuais estão no Egito.

    As Pirâmides de Gizé foram incluídas nessa lista que tinha, entre outros, os Jardins da Babilônia e o Farol de Alexandria.

    Logo, conhecer as mais famosas pirâmides do país é estar de frente para os únicos monumentos erguidos na Antiguidade a ainda mostrarem sua beleza e suas histórias para o mundo. 

    Vai ver de perto? Compre seguro viagem para seu passeio!

    Seguro Viagem: África
    CORIS 30 MUNDO BASIC +COVID19 (EXCETO EUA) CORIS 30 MUNDO BASIC +COVID19 (EXCETO EUA) Assistência médica USD 30.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 24/dia*

    Nós temos uma certeza: conhecer as pirâmides do Egito de perto será uma experiência marcante na vida de qualquer turista.

    O melhor é que dá para aproveitar e conhecer muito mais do país africano durante o passeio. E para a viagem ser inesquecível, lembre-se de garantir o seguro viagem com a Seguros Promo para ter mais proteção com os preços mais baratos do mercado.

    Conheça as incríveis pirâmides egípcias com mais segurança e economia. De Promo você pode!


    Leia também:

    Veja também


    Recomendado para você
    Melhor preço garantido
    faça uma cotação e confira.
    Conecte-se com a gente