icone segurospromo
Cobrimos qualquer oferta!
Garanta o menor preço do mercado
Pesquisar!
09 janeiro - 9 minutos de leitura.

Conheça as belezas da cidade de Cochabamba, Bolívia! 

Chris standing up holding his daughter Elva América do Sul

Industrializada e moderna, Cochabamba, Bolívia, carrega o sugestivo apelido de “Cidade da Eterna Primavera”, onde o clima é agradável durante o ano inteiro.

Rodeada pelos imponentes Andes, a cidade em nada lembra a histórica Sucre ou a movimentada La Paz: suas ruas abrigam baladas animadas, lojas modernas e bons restaurantes.

Importante polo universitário da Bolívia, o destino atrai estudantes de todos os cantos do mundo em busca de educação de excelência e qualidade de vida, incluindo índices de segurança acima da média nacional.

Vem conhecer tudo sobre uma das cidades mais encantadoras da América Latina, que abriga atrações capazes de encher dias de viagem.

Cote os melhores seguros de viagem com 15% de desconto neste link!

Cochabamba, Bolívia: melhores dicas para aproveitar o destino!

Uma das mais antigas cidades da América do Sul, Cochabamba, na Bolívia, foi oficialmente fundada em 1542, no meio do caminho entre Santa Cruz de la Sierra e La Paz, em meio ao sobe e desce dos picos andinos.

Desde a fundação do país, a cidade ocupou espaço de protagonismo, o que se refletiu em um casario luxuoso, repleto de palacetes, fruto do dinheiro dos ricos europeus que se instalaram na antiga colônia.

Isso significa que o viajante deve encontrar vários edifícios antigos que remontam ao período colonial, sobretudo no centro histórico, mostrando a interessante dicotomia entre as influências europeias e indígenas, tão comum nos países latino-americanos.

Ali fica um dos maiores e mais antigos mercados populares da América Latina, quase um museu a céu aberto que mostra os sabores, os aromas e as cores que formam a diversa Bolívia.

E o que dizer de um Cristo Redentor maior que o do Rio de Janeiro, o Cristo de la Concordia, com 40,4 metros de altura?

Você ainda poderá visitar o riquíssimo Museo Arqueologico, as belezas do Parque Toro Toro e do Jardim Botânico, os edifícios históricos da Plaza 14 de Setiembre e muitas outras atrações incríveis!

Neste artigo, vamos te contar tudo que você precisa saber para planejar a sua viagem: onde fica a cidade, como chegar, quando visitar, o que conhecer e outras dicas valiosas para o viajante. Vamos lá!

Onde fica Cochabamba?

Onde fica Cochabamba?
Fonte: Pxhere / CC0

A pacata Cochabamba, Bolívia, fica em uma localização privilegiada no mapa da Bolívia, no meio do caminho entre Santa Cruz de la Sierra (a 400 metros de altitude) e La Paz (a 3.640 metros de altitude).

Por isso, a cidade é um importante ponto de parada para quem está viajando até a capital boliviana, pois fica em uma altitude intermediária e, assim, ajuda os viajantes a irem se aclimatando às condições da região, evitando o temido soroche.

O destino também está praticamente equidistante das principais cidades do país: Cochabamba fica a 378 km de La Paz, 330 km de Sucre e 481 km de Santa Cruz de la Sierra.

Cochabamba, Bolívia: mapa

Está pensando em incluir a cidade de Cochabamba, Bolívia, em seu roteiro de viagem pela América do Sul? Confira onde fica o destino no mapa!

Como ir para Cochabamba?

Não é difícil chegar a Cochabamba, cidade que faz parte da rota de linhas de ônibus que partem das principais cidades bolivianas e dispõe de seu próprio (e moderno) aeroporto.

O Aeroporto Internacional Jorge Wilstermann recebe voos do Brasil e dos principais destinos sul-americanos, operados por diversas companhias aéreas, como a Boliviana de Aviación, Copa e American Airlines.

Se você já está viajando pela Bolívia e decidiu incluir Cochabamba em seu roteiro de viagem, pode pegar um ônibus nas rodoviárias das principais cidades do país.

Tanto a rodoviária quanto o aeroporto de Cochabamba ficam bem próximos ao centro da cidade, o que significa que você não terá problemas para seguir até o seu hotel de táxi, ônibus ou até a pé após desembarcar.

Qual a altitude da cidade de Cochabamba?

Qual a altitude da cidade de Cochabamba?
Fonte: Pxhere / CC0

A altitude de Cochabamba, Bolívia, é considerada quase um atrativo turístico à parte.

Como o destino fica a 2.558 metros acima do nível do mar, muitos viajantes optam por incluir Cochabamba em seus roteiros para se acostumarem à altitude antes de ir para cidades mais altas, como Sucre, La Paz ou Potosí.

Essas cidades ficam a altitudes tão elevadas que o corpo humano pode ter problemas para garantir a circulação de sangue e oxigênio, o que gera o chamado soroche, ou mal de altitude.

Como o principal “remédio” para o soroche é a aclimatação à altitude elevada, é comum que os turistas fiquem alguns dias em Cochabamba, onde a sensação tende a ser mais branda, para diminuir os efeitos do mal-estar.

Quando neva em Cochabamba?

Cochabamba, Bolívia, é considerada a Cidade da Eterna Primavera por seu clima agradável durante o ano inteiro, praticamente sem chuvas e com temperaturas máximas de até 29ºC ao longo dos 12 meses.

No entanto, se o seu sonho sempre foi ver neve, você terá essa oportunidade durante a sua viagem!

O Monte Tunari, a apenas 45 km de Cochabamba, tem seu pico nevado durante boa parte do ano: nos meses de inverno, especialmente em julho e agosto, você pode até subir o monte para se divertir no gelo!

Isso acontece porque o inverno na cidade pode ser bem frio em alguns momentos do dia: em 24 horas a temperatura pode variar entre 0ºC e 30ºC.

Por isso, vá preparado se decidir viajar nessa época do ano, contrate um bom seguro viagem e não se esqueça de levar agasalhos bem quentinhos para se proteger!

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de
    viagens no seu e-mail!
    Fique tranquilo, não enviamos spam!

    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores dicas de viagem diretamente no seu e-mail.

    Viaje para Cochabamba, Bolívia, com segurança e economia!

    Quando você estiver planejando a sua viagem para Cochabamba, Bolívia, não se esqueça de incluir um seguro viagem em seu orçamento!

    O item é importantíssimo para qualquer viajante, não importa o destino, sobretudo quando falamos de uma cidade em que o clima varia bastante em um único dia e a altitude pode gerar mal-estar no viajante.

    Com um bom seguro viagem, você poderá receber assistência em hospitais conveniados ou reembolso por gastos previstos em apólice

    Isto é, você não corre o risco de voltar para casa com prejuízo e recebe o atendimento que precisa em caso de acidentes, problemas de saúde, extravio de bagagem, atraso ou cancelamento de voo, regresso antecipado e muito mais!

    Você pode fazer a cotação de seguro viagem barato em nosso site de buscas, Seguros Promo, que reúne planos das principais seguradoras do mercado com preços imbatíveis.

    O viajante pode até utilizar o moderno recurso de comparação detalhada para descobrir qual o seguro viagem mais adequado para o destino da sua viagem.

    Seguro Viagem: América do Sul
    AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 67/dia*
    Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 65/dia*
    CORIS 30 BASIC +COVID19 CORIS 30 BASIC +COVID19 Assistência médica USD 30.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 19/dia*

    Lugares turísticos de Cochabamba

    Montar um roteiro por Cochabamba, Bolívia, pode ser um desafio para os viajantes com pouco tempo disponível para a viagem.

    São tantas atrações incríveis que vale a pena criar um planejamento cuidadoso para não deixar nada para trás.

    Para te ajudar nessa tarefa, destacamos os lugares turísticos de Cochabamba que você não pode perder. Confira!

    Plaza 14 de Septiembre

    Plaza 14 de Setiembre
    Fonte: Erik Garcia Alvarado / Wikimedia Commons / CC BY-SA 4.0

    O coração da cidade de Cochabamba, na Bolívia, é a Plaza 14 de Setiembre, no centro histórico, onde você poderá conhecer típicas construções coloniais bolivianas.

    A melhor região para hospedagem na cidade tem movimento intenso pelas ruas de dia e à noite, especialmente pelos bons bares e restaurantes espalhados pelos seus arredores.

    Fica na praça, por exemplo, a Catedral de San Domingos, um dos mais importantes edifícios históricos da cidade, datado do século XVI. 

    A partir da praça você também chegará sem dificuldades ao famoso Mercado La Cancha, um dos maiores mercados a céu aberto da América Latina, onde é possível comprar praticamente tudo.

    A praça é muito fotogênica, com imensos corredores de palmeiras-imperiais e construções em estilo espanhol. 

    Em outras palavras, reservar um tempinho para conhecer a Plaza 14 de Setiembre é quase obrigatório em qualquer roteiro por Cochabamba.

    Museo Arqueologico

    Depois de conhecer a praça mais famosa da cidade, estenda seu passeio até o Museo Arqueologico, que abriga um acervo com milhares de peças dos povos quéchuas e aimarás, que viviam na região até a chegada dos europeus.

    Ali, você poderá ver de perto objetos de cerâmica, armas, utensílios de uso doméstico, itens pessoais, tecidos, roupas e até múmias muito bem preservadas.

    Cristo de la Concórdia

    Visitar Cochabamba, Bolívia, e não subir até o Cristo de la Concórdia é como conhecer o Rio de Janeiro e não visitar o Cristo Redentor.

    O Cristo boliviano é ainda maior que o brasileiro: são 40,4 metros de altura contra 38 metros da estátua do Rio. Do alto, você poderá contemplar uma vista privilegiada de toda a cidade, em 360 graus!

    O monumento fica logo no início de uma das vias mais importantes da cidade, a Avenida Las Heroinas, e tem visitação gratuita: basta encarar a escadaria até o topo ou subir de teleférico, com saída na esquina da Las Heroínas com a rua Carlos Muller.

    Heroínas de la Coronilla

    Heroínas de la Coronilla
    Fonte: Daniela Nicole Santiváñez Limache / Wikimedia Commons / CC BY-SA 4.0

    Após conhecer o Cristo de la Concórdia, recomendamos uma visita ao monumento Heroínas de la Coronilla, localizado na colina de San Sebastian, dedicado às mulheres que lutaram contra os espanhóis no começo do século XIX.

    A colina fica a mais de 2.573 metros de altitude, o que significa que você poderá avistar a cidade toda de um ponto de vista bastante privilegiado.

    Mercado de La Cancha

    Nenhum passeio por Cochabamba está completo sem uma visita ao Mercado de La Cancha, o maior mercado popular da Bolívia e um dos maiores da América Latina, que ocupa quarteirões perto do centro histórico.

    O mercado vende praticamente de tudo: de roupas a aparelhos eletrônicos, passando por vegetais, especiarias, artesanato, cosméticos e muito mais.

    Só tome cuidado com seus pertences durante o passeio, pois o local é bastante movimentado e pessoas mal-intencionadas podem se aproveitar de momentos de descuido para realizar furtos.

    Los Portales

    O edifício Los Portales é um palacete do começo do século XX construído a mando de Simón Patiño, um magnata que enriqueceu às custas da extração de estanho e foi um dos homens mais ricos do mundo.

    O empresário construiu o casarão em estilo europeu: uma prova de que Patiño não queria ser conhecido como um milionário do “Terceiro Mundo”.

    A construção suntuosa parece não ter agradado o magnata, que nunca morou em Los Portales. 

    De qualquer forma, o palacete continua de pé e perfeitamente preservado, contando uma parte importante da história da cidade.

    Jardim Botânico

    Jardim Botânico
    Fonte: Eduardorudas / Wikimedia Commons / CC BY 2.0

    A apenas 500 metros do Cristo de la Concórdia fica o Jardim Botânico de Cochabamba, Bolívia, um agradável oásis em meio às paisagens urbanas da cidade.

    O parque abriga vários jardins temáticos, incluindo um galpão que simula uma floresta tropical e um jardim exclusivo para cactos. Tudo isso com entrada gratuita!

    Parque Toro-Toro

    Que tal aproveitar sua passagem por Cochabamba, Bolívia, para conhecer o cinematográfico Parque Toro-Toro, um dos mais famosos da América Latina?

    O parque abriga centenas de quilômetros de cânions e formações geológicas bastante curiosas, além de ser um dos mais importantes sítios arqueológicos do continente.

    Ali foram encontrados fósseis e pegadas de dinossauros com milhões de anos de história!

    O que significa a palavra Cochabamba?

    Para os falantes de português, o nome da cidade de Cochabamba, Bolívia, pode parecer curioso, mas não pense que estamos falando de coxas bambas. O significado do nome não tem nada a ver com isso!

    Se você está se perguntando o que quer dizer Cochabamba, saiba que se trata de uma palavra derivada da língua quéchua, um idioma falado entre indígenas da região dos Andes, que hoje tem mais de 10 milhões de falantes na América do Sul.

    A palavra é uma mistura de dois termos: “cocha”, ou “água”, e “bamba”, que significa “planícies”. 

    O resultado é uma expressão que significa “planície entre águas”, uma referência aos lagos Angostura e Corani, nos arredores da cidade. 

    Quantos mil habitantes tem a cidade de Cochabamba na Bolívia?

    Quantos mil habitantes tem a cidade de Cochabamba na Bolívia?
    Fonte: Pixabay

    Cochabamba, Bolívia, é a terceira maior cidade do país, com 600 mil habitantes, número que salta para mais de 1,2 milhão de pessoas quando consideramos a região metropolitana.

    A cidade só fica atrás de La Paz, que tem 2,4 milhões de habitantes, e Santa Cruz de la Sierra, com 2,1 milhões de moradores.

    Faça a sua cotação de seguro viagem para Cochabamba, Bolívia!

    Não deixe para planejar a sua viagem a Cochabamba, Bolívia, na véspera: visite agora mesmo nosso site de buscas, Seguros Promo, para garantir seu seguro viagem pelo menor preço!

    Para potencializar a sua pesquisa, você pode usar o recurso de comparação detalhada e contar com o auxílio da nossa central de atendimento para encontrar o plano ideal para a sua viagem.

    Faça agora mesmo uma cotação gratuita e garanta cobertura médica e odontológica, seguro por morte ou invalidez, seguro bagagem, traslado médico, regresso antecipado e muitos outros serviços.

    Conhecer a América do Sul com toda a segurança que você merece? De Promo você pode!

    Seguro Viagem: América do Sul
    AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 67/dia*
    Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 65/dia*
    CORIS 30 BASIC +COVID19 CORIS 30 BASIC +COVID19 Assistência médica USD 30.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 19/dia*

    Continue sua leitura!
    Veja também


    Recomendado para você
    Melhor preço garantido
    faça uma cotação e confira.
    Conecte-se com a gente