icone segurospromo
Cobrimos qualquer oferta!
Garanta o menor preço do mercado
Pesquisar!
10 junho - 8 minutos de leitura.

Viajando para países da América do Sul? Confira informações importantes! 

Chris standing up holding his daughter Elva América do Sul

Viajar pelos países da América do Sul é o mesmo que mergulhar na história de um povo que recebeu influências de diferentes culturas ao longo dos séculos, conhecer paisagens paradisíacas e experimentar gastronomias ricas em sabor e tradição.

De norte a sul, o continente sul-americano é recheado de destinos apaixonantes, de praia, montanha, neve ou floresta, onde se escondem sítios arqueológicos, metrópoles modernas e muita cultura.

Como se esses motivos não bastassem, os países sul-americanos podem ser baratos para turismo! Que tal começar a planejar agora mesmo aquela viagem internacional inesquecível? 

Vem descobrir como entrar em alguns dos lugares mais incríveis da América do Sul!

Cote o seu seguro viagem com desconto neste link!

O que precisa para entrar nos países da América do Sul?

Seja em uma viagem de férias, lua de mel ou mochilão, a América do Sul não decepciona seus visitantes

Em um mesmo país é possível encontrar belíssimas praias, densas florestas e montanhas cobertas de neve, além de culturas ricas e gastronomias elaboradas, que combinam o melhor das influências europeias e indígenas.

Antes de fazer as malas para conhecer todas as belezas sul-americanas, no entanto, o viajante precisa se planejar, ou corre o risco de “perder a viagem”.

Afinal, você sabe se o destino que deseja visitar já está aberto para brasileiros, exige visto, algum documento especial ou vacinas específicas? 

Prepare o papel e a caneta, porque vamos responder a essas e outras perguntas! Veja só!

Documentos

Ao planejar uma viagem para “perto” de casa, como os destinos da América do Sul em relação ao Brasil, muita gente acaba se descuidando a respeito da documentação.

É comum encontrar pessoas que acreditam que passar por fronteiras internacionais é simples como cruzar divisas de estados brasileiros.

No entanto, muitos países do nosso continente estipulam algumas regras que precisam ser seguidas por todo e qualquer visitante estrangeiro.

Para começar, você precisa entender que a América do Sul pode ser dividida em duas categorias: países que fazem parte do Mercosul e países que não pertencem ao bloco.

Essa pequena diferença tem grande impacto para o viajante. Para visitar países associados ao Mercosul (Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai e Uruguai), você está dispensado da obrigatoriedade do passaporte: basta apresentar seu RG original.

Nesse caso, seu documento de identidade deve estar em perfeitas condições, com fotos e informações facilmente legíveis e, preferencialmente, com menos de 10 anos desde a data de emissão.

Tenha em mente que trata-se apenas do RG, o que significa que você não conseguirá visitar os países acima mencionados com sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), certidão de nascimento ou Carteira de Trabalho. 

Isto é, apenas o documento de identidade (RG) é válido.

De qualquer forma, o passaporte é extremamente recomendado, pois se você resolver estender sua viagem até a Guiana, por exemplo, vai precisar apresentar o documento internacional ao atravessar a fronteira.

Além disso, um passaporte cheio de carimbos pode ser bastante útil ao solicitar a emissão de visto em algum país!

Depois de passar pela imigração, você pode deixar o seu passaporte seguro no cofre do hotel e utilizar seu documento de identidade para circular pelo país com mais tranquilidade.

Vacinas

Vacinas
Fonte: Governo Do Estado De São Paulo / Wikimedia Commons / CC BY 2.0

Além de garantir que seus documentos estejam em dia, você também precisa ficar de olho em sua carteira de vacinação antes de embarcar para viajar pela América do Sul.

Cada país pode ter suas próprias particularidades, mas, em geral, apenas uma vacina é recomendada (e até obrigatória, em alguns casos) em todos os países sul-americanos: a vacina contra febre amarela.

Nesse caso, você precisa tomar a vacina ao menos 10 dias antes da viagem, período necessário para que a ação imunológica ocorra e você esteja devidamente protegido.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomenda, também, que turistas brasileiros tomem vacinas de hepatites A e B, Tétano, Difteria e Tríplice Viral antes de viajar pelo continente.

Alguns destinos exigem, ainda, vacinação contra Covid-19 para liberar a passagem por suas fronteiras, caso do Uruguai, do Peru e da Colômbia, que exigem esquema vacinal completo (incluindo dose de reforço).

Em outros países, como Argentina e Chile, não é obrigatória a comprovação de vacinação contra Covid-19, mas você pode ser requisitado a preencher declarações juramentadas de sua boa saúde.

Países da América do Sul que estão abertos para brasileiros

Durante a pandemia de Covid-19, a maioria dos países sul-americanos fechou suas fronteiras a viajantes estrangeiros, para frear o avanço da doença. 

À medida que a vacinação avançou, a situação mudou: todos os países da América do Sul, com exceção da Guiana Francesa, estão abertos para brasileiros (em maio/2022).

Você só precisa ficar de olho nas restrições de cada país (a respeito de vacina, testes PCR ou exigência de seguro viagem) antes de programar a sua viagem. 

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de
    viagens no seu e-mail!
    Fique tranquilo, não enviamos spam!

    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores dicas de viagem diretamente no seu e-mail.

    Quais os países da América do Sul?

    Os 12 países da América do Sul estão distribuídos por uma área de 17,8 milhões de km², quase o dobro do tamanho da Europa. 

    São eles: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela.

    Mapa da América do Sul

    O Brasil é o maior de todos os países do continente, com 8,5 milhões de km², o quinto maior território do mundo, e faz fronteira com diversos destinos famosos como a Argentina, o Uruguai, entre outros. 

    E você tem curiosidade de saber quais países da América do Sul não fazem fronteira com o Brasil? Apenas o Chile e o Equador!

    Confira no mapa dos países da América do Sul!

    Conheça os países da América do Sul com segurança!

    É muito importante contratar um seguro viagem antes de embarcar para conhecer os países da América do Sul: em muitos lugares, o item é até mesmo obrigatório!

    Mesmo que você esteja pensando em visitar um país que não exige o seguro viagem, é extremamente recomendado contar com a proteção desse serviço.

    Já imaginou se você precisa de atendimento médico de emergência, tem suas bagagens extraviadas ou precisa lidar com um voo cancelado? 

    Quem conta com um bom seguro viagem não precisa se preocupar com essas ocorrências, pois basta acionar a seguradora para receber assistência gratuita ou reembolso, além de atendimento 24 horas por dia, 100% em português.

    Para contar com toda essa tranquilidade, você não precisa comprometer o seu orçamento: existem planos a partir de R$ 20,00 por dia!

    Você pode fazer a cotação de seguro viagem barato no Seguros Promo, que te ajuda a comparar coberturas e oferece planos das melhores seguradoras do mercado a preços acessíveis!

    Seguro Viagem: América do Sul
    AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 59/dia*
    Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Affinity 60 LATAM COVID-19 QUARENTENA Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 72/dia*
    CORIS 30 BASIC +COVID19 CORIS 30 BASIC +COVID19 Assistência médica USD 30.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 21/dia*

    Alguns dos melhores países da América do Sul para viajar

    Planejar um roteiro sul-americano pode ser mais difícil do que você imagina. 

    De norte a sul do continente, não faltam destinos incríveis, cheios de riquezas naturais, históricas, culturais e gastronômicas.

    Para te ajudar a escolher quais destinos incluir em seu roteiro, destacamos alguns dos melhores países da América do Sul para turismo, veja só!

    Argentina

    Argentina
    Fonte: Pixabay

    Terra do tango e da parrilla, a Argentina é um dos países que fazem fronteira com o Brasil e é um dos destinos mais visitados por brasileiros.

    O território argentino abriga destinos fantásticos, como Bariloche, Ushuaia e El Calafate, na Patagônia, a rota dos vinhos de Mendoza e a efervescente Buenos Aires.

    O que precisa para entrar na Argentina?

    Você não vai precisar de um passaporte para visitar a Argentina, basta apresentar seu documento de identidade original, em boas condições de conservação e perfeitamente legível.

    Além disso, o turista estrangeiro deve preencher uma Declaração Jurada (DDJJ), por meio de formulário online, 48 horas antes da viagem, para atestar que não tem sintomas gripais, bem como contar com um seguro viagem com cobertura contra Covid19.

    Também recomenda-se que o viajante esteja devidamente vacinado contra febre amarela antes de visitar o país.

    Chile

    Chile
    Fonte: Pixabay

    Um dos países da América do Sul mais procurados para turismo, o Chile reúne atrações para todos os gostos e idades, por onde é possível encontrar desertos, montanhas e modernos centros urbanos.

    Entre os destaques estão o famoso Deserto do Atacama, a Rota do Vinho do Vale Colchagua, a estação de esqui do Valle Nevado e a belíssima capital, Santiago.

    O que precisa para entrar no Chile?

    Quem prepara a documentação para visitar o Chile, um dos poucos países da América do Sul que têm neve, não pode se esquecer do passaporte ou da carteira de identidade original e em boas condições de legibilidade.

    Você também precisará preencher a declaração juramentada C19 e apresentar seguro viagem com cobertura mínima de US$ 30 mil para Covid.

    Não se esqueça de que o viajante pode ser selecionado via sorteio para fazer um teste de Covid ao desembarcar no país.

    Se você pretende frequentar espaços fechados ou utilizar o transporte público do país, será necessário apresentar o Passe de Mobilidade, que requer comprovação de esquema vacinal completo pelo site oficial do governo chileno.

    Uruguai

    Uruguai
    Fonte: Pixabay

    Considerado por muitos um dos melhores países da América do Sul para viajar, o Uruguai faz fronteira com o Sul do Brasil e atrai muitos viajantes brasileiros, especialmente nos períodos de férias escolares.

    Entre os destinos mais famosos do país estão a capital, Montevidéu, a turística Punta de Este, a histórica Colônia do Sacramento e cidades litorâneas, como Cabo Polonio, La Paloma, Barra de Valizas e muitas outras.

    O que precisa para entrar no Uruguai?

    Como faz parte do Mercosul, o Uruguai dispensa os viajantes da apresentação de passaporte: basta portar sua carteira de identidade em boas condições de legibilidade.

    A vacinação contra Covid-19, no entanto, é obrigatória. O turista precisa comprovar o esquema completo de vacinação (duas doses ou dose única da Janssen). 

    Se a segunda dose foi aplicada há mais de 9 meses, você precisará comprovar também a dose de reforço.

    Além disso, você também deve apresentar uma declaração juramentada (via site do governo) e seguro viagem vigente durante todo o período da sua estadia no país.

    Pessoas de 6 a 17 anos são dispensadas da vacinação, mas devem apresentar teste de antígeno ou RT-PCR. Menores de 5 anos não precisam de teste nem de comprovar vacinas.

    Colômbia

    Colômbia
    Fonte: Pixabay

    Listada entre os países da América do Sul baratos para viajar, a Colômbia pode ser o destino perfeito para sua próxima viagem.

    Por lá, você poderá conhecer cidades históricas, como Cartagena das Índias, destinos culturais, como Medellín e Bogotá, e até mesmo um pedaço do Caribe com praias colombianas de San Andrés.

    O que precisa para entrar na Colômbia?

    Além de exigir documento de identidade (ou passaporte) dos viajantes brasileiros, a Colômbia exige vacinação contra febre amarela e comprovação de esquema vacinal completo (para maiores de 18 anos).

    Você também precisa preencher previamente uma declaração de entrada atestando sua boa saúde e a ausência de sintomas de Covid-19.

    Peru

    Peru
    Fonte: Pixabay

    Poucos países da América do Sul encantam tanto os visitantes quanto o Peru, casa de destinos mundialmente famosos, como as ruínas de Machu Picchu, as formações de Nazca e a milenar Cusco.

    O país também abriga um pedaço da Floresta Amazônica, é cortado pelos Andes e tem praias banhadas pelo Oceano Pacífico.

    O que precisa para entrar no Peru?

    Quem vai visitar o Peru precisa apresentar passaporte ou documento de identidade (RG) original e em boas condições.

    A vacina contra febre amarela não é obrigatória, mas extremamente recomendada. Em relação à Covid-19, é necessário comprovar esquema vacinal completo de qualquer vacina aplicada no Brasil.

    Se você só tiver tomado a primeira dose, precisará também apresentar exame RT-PCR negativo realizado até 72 horas antes da viagem.

    Seguro viagem mais barato para os países da América do Sul

    Já sabe quais países da América do Sul vai incluir em seus planos de viagem? Então só falta contratar um bom seguro viagem para assegurar sua tranquilidade longe de casa!

    Visite o Seguros Promo para encontrar ofertas e coberturas exclusivas das melhores seguradoras por um preço que cabe no seu bolso.

    Desse jeito, você poderá viajar com a segurança de quem conta com assistência médica, odontológica e hospitalar, seguro bagagem, assistência por atraso ou cancelamento de voo, traslado médico, seguro por morte ou invalidez, entre outros serviços indispensáveis.

    Quer conhecer as belezas sul-americanas com segurança, economia e tranquilidade? De Promo você pode!

    Seguro Viagem: Europa
    AC 35 EUROPA AC 35 EUROPA Assistência médica EUR 35.000 Bagagem extraviada EUR 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 26/dia*
    AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) AC 60 MUNDO COVID-19 QUARENTENA (EXCETO EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 59/dia*
    Affinity 30 EUROPA COVID-19 QUARENTENA Affinity 30 EUROPA COVID-19 QUARENTENA Assistência médica EUR 30.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 64/dia*

    Continue sua leitura!

    Veja também


    Recomendado para você
    Melhor preço garantido
    faça uma cotação e confira.
    Conecte-se com a gente