CENTRAL DE VENDAS: Televenda (31) 4000-1667 Televenda (31) 3972-7086

×

×

Rabat: saiba o que fazer na capital do Marrocos!

Rabat é a capital do Marrocos e guarda em suas construções históricas um rico passado que se mistura com a contemporaneidade! Saiba mais!

Está planejando uma visita a Rabat, no Marrocos? Prepare-se para conhecer uma cidade simultaneamente moderna e mergulhada em uma rica história, rodeada por montanhas e pelo azul do Atlântico.

As mesquitas e os palácios históricos que pipocam no skyline dividem espaço harmoniosamente com construções contemporâneas em estilo europeu, dando uma mostra da complexidade cultural desse destino formidável.

Pelo labirinto de ruas, mercados e monumentos históricos você vai encontrar uma rica gastronomia, traços de diferentes culturas, paisagens naturais deslumbrantes e muito mais.

O que você acha de conhecer um dos destinos mais incríveis da África? Vem descobrir o que reunimos sobre a capital marroquina!

Seguro viagem com 20% de desconto com o cupom BLOG20, compre agora!

Rabat: o que fazer e outras informações!

Rabat: o que fazer e outras informações!
Fonte: Ephidryn / Flickr / CC BY 2.0

Cidade grande com cara de cidade pequena, Rabat, Marrocos, é uma charmosa capital construída em meio a montes, colinas e montanhas à beira mar, onde o clima é agradável o ano inteiro e há muito o que se fazer.

Uma das quatro cidades imperiais do país, a capital não é tão procurada para turismo quanto as vizinhas Marrakech e Casablanca, mas, sem dúvidas, merece um espaço no seu roteiro pela região.

Quem não gostaria, afinal, de conhecer o majestoso Mausoléu de Mohammed V ou de visitar o suntuoso Palácio Real onde vive o rei do país árabe sem precisar disputar espaço com multidões de turistas?

Confira o guia que preparamos para te ajudar a planejar a sua visita!

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de
    viagens no seu e-mail!
    Fique tranquilo, não enviamos spam!
    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores dicas de viagem diretamente no seu e-mail.

    Onde fica Rabat?

    Capital de Marrocos, a cidade de Rabat fica entre as curvas do rio Bu Regregue e a imensidão do Atlântico, na região noroeste do país.

    O destino tem localização estratégica para quem deseja explorar outras cidades imperiais marroquinas: a antiga capital Fez está a 200 km de distância, enquanto a ensolarada Marrakech fica a 320 km.

    A cidade pode ser uma excelente opção de bate-volta a partir de Casablanca, a menos de 90 km de distância, e fica a menos de 250 km do Estreito de Gibraltar, que separa a África da Europa.

    Mapa de Rabat, Marrocos

    Pouco maior que a cidade de Vitória, a capital marroquina é um centro urbano caótico e com grande densidade demográfica: são mais de meio milhão de habitantes!

    Confira onde fica Rabat no mapa do Marrocos.

    Como chegar a Rabat?

    Como se trata de uma cidade com grande importância administrativa, turística e econômica, Rabat é um destino fácil de chegar.

    A partir do Brasil, companhias aéreas como Air France e Iberia oferecem viagens com conexão em cidades como Paris e Madrid, por exemplo.

    O aeroporto mais próximo a Rabat fica em Salé, a 8 km do centro da cidade, e uma viagem de táxi até o seu hotel deve custar em torno de R$ 100. 

    Por conta do preço salgado do transporte particular, pode valer a pena utilizar o serviço Stareo Bus, um ônibus executivo do aeroporto com destino à estação de comboios Rabat Ville, com saídas a cada hora.

    Você está visitando Casablanca e quer fazer um bate-volta à capital marroquina? Se você estiver de carro, é só seguir pela rodovia A1: o percurso é belíssimo, feito à beira-mar, e pode render experiências incríveis!

    Quando visitar a capital do Marrocos?

    Escolher estrategicamente quando visitar a capital do Marrocos pode significar uma viagem mais tranquila e mais confortável.

    O clima é ameno na maior parte do ano, mas os verões (junho a agosto) podem ser particularmente quentes e secos, com termômetros acima de 30ºC e sensação térmica ainda maior.

    Por isso, muitos viajantes preferem viajar na estação mais fresca, de meados de setembro a maio, quando os dias têm temperaturas agradáveis e as noites são frescas (ou melhor, frias, com mínimas de 7ºC em dezembro e janeiro).

    Seguro viagem para o Marrocos em promoção!

    Quando você estiver planejando a sua visita ao Marrocos, você não pode se esquecer de contratar um bom seguro viagem. O item é indispensável para quem não deseja tomar sustos durante sua estadia no país africano.

    Afinal, só o seguro viagem garante uma série de amparos financeiros e práticos que podem impactar sua experiência de viagem, como cobertura médica e odontológica de emergência, seguro bagagem, traslado médico, auxílio por atraso de voo, entre outros.

    E não pense que você precisa escolher entre economizar e garantir esse sossego: no Seguros Promo você encontra opções de seguro viagem África a partir de R$ 16,00 por dia.

    Utilize gratuitamente a nossa ferramenta comparadora de seguros e contrate agora mesmo essa tranquilidade para a sua viagem!

    Seguro Viagem:
    África
    Intermac I60 Inter (exceto EUA) +Covid-19 Intermac I60 Inter (exceto EUA) +Covid-19
    Assistência médica USD 60.000
    Bagagem extraviada USD 750 (SUPLEMENTAR)
    *Valor referente a 7 dias de viagem.
    AC 35 MUNDO (Exceto EUA) COVID-19 AC 35 MUNDO (Exceto EUA) COVID-19
    Assistência médica USD 35.000
    Bagagem extraviada USD 1.200
    *Valor referente a 7 dias de viagem.
    UA 80 MUNDO (exceto EUA) COVID-19 UA 80 MUNDO (exceto EUA) COVID-19
    Assistência médica USD 80.000
    Bagagem extraviada NÃO
    *Valor referente a 7 dias de viagem.

    O que fazer em Rabat em 1 dia?

    O que fazer em Rabat em 1 dia?
    Fonte: Jacopo Romei / Flickr / CC BY-SA 2.0

    Prepare o bloquinho de notas para descobrir tudo que a capital do Marrocos tem a oferecer a seus visitantes!

    Confira o que fazer em Rabat! 

    Mausoléu de Mohammed V 

    Uma das primeiras coisas que você deve fazer ao chegar à cidade é conhecer o Mausoléu de Mohammed V (ou Maomé V), o soberano que levou o Marrocos a se tornar independente.

    O local suntuoso é onde estão guardados os restos mortais do herói nacional e seu filho, o rei Hassan II (respectivos pai e avô do atual rei do Marrocos, Mohammed VI).

    Obra-prima da arquitetura árabe, o mausoléu é construído em mármore, destacando-se na paisagem urbana com sua fachada branca e seu telhado verde.

    Caso você não seja muçulmano, entretanto, só poderá apreciar o luxuoso mausoléu pelo lado de fora, já que o acesso é exclusivo para islâmicos.

    Antiga Medina 

    Mais “mediterrânea” que as medinas das cidades imperiais de Fez e Marrakech, a Antiga Medina de Rabat é um gigantesco mercado árabe que pode tornar seu roteiro pela viagem ainda mais completo.

    O lugar é imperdível mesmo que você não tenha interesse em ir às compras: nada melhor para conhecer a cultura local do que observar o vai e vem de comerciantes, clientes e curiosos pelo labirinto de corredores da medina.

    Vale pontuar que o mercado é tão gigantesco que existem até hotéis, restaurantes e jardins por lá, então explore o espaço com tempo e paciência para não perder nada.

    Palácio Real

    O complexo Dâr-Al-Makhzen, ou simplesmente Palácio Real, é o mais importante conjunto arquitetônico de toda a cidade e merece a sua visita, embora o acesso ao interior seja proibido.

    É ali que está instalada a sede do governo marroquino, incluindo toda a área administrativa, um colégio, uma área residencial para trabalhadores do local e até uma mesquita.

    Mesmo que seja apenas para conhecer pelo lado de fora, vale a pena passar pelo local para conhecer mais essa joia da arquitetura local.

    Torre Hassan

    Torre Hassan
    Fonte: David Stanley / Wikimedia Commons / CC BY-SA 2.0

    Um dos atrativos mais imperdíveis da capital de Marrocos é a Torre Hassan, que começou a ser construída por Ya’qub al-Mansūr no século XII.

    A estrutura faz parte de um projeto audacioso que nunca foi concluído: era para o local abrigar a maior mesquita do país, com mais de 400 colunas e 84 metros de altura, mas o trabalho acabou nunca finalizado.

    A maior parte da obra inacabada foi destruída após um violento terremoto em 1755 (conhecido como Terremoto de Lisboa, pelo nível de destruição na capital portuguesa), mas parte das ruínas, incluindo a Torre Hassan, segue de pé.

    Museu Mohammed VI

    Quem gosta de passeios culturais não pode perder a oportunidade de visitar o Museu Mohammed VI, também chamado de Museu de Arte Moderna e Contemporâneo.

    O museu é relativamente recente, foi inaugurado apenas em 2014, e tem projeto ousado do arquiteto Karim Chakor, considerado um dos melhores do Marrocos.

    Na parte de dentro, você encontrará um riquíssimo acervo com obras de 200 grandes artistas marroquinos: lugar perfeito para conhecer um pouco mais sobre a cultura local. 

    Praia e Farol de Rabat 

    Por ser uma cidade costeira, Rabat tem uma orla bonita e cheia de atrações, como beach clubs e casas noturnas badaladas. 

    A praia é limpa e adequada para banho, mas tome cuidado com as correntes e com as ondas, que podem ser particularmente fortes por lá. É comum encontrar praticantes de surfe, stand-up paddle, caiaque e windsurf na região.

    Seguindo pelo extenso calçadão da cidade, que começa na altura do Kasbah dos Oudayas, você chegará ao histórico Farol.

    A estrutura foi construída em 1920, com 30 metros de altura, e ainda segue em pleno funcionamento: se possível, organize-se para visitar o local no fim da tarde para contemplar o belíssimo pôr do sol sobre o mar.

    Vila dos Potter

    Não se engane: a Vila dos Potter não tem nada a ver com o personagem Harry Potter, criado pela escritora britânica J.K. Rowling. 

    Na verdade, trata-se de uma vila real de artesãos que pode tornar sua visita à capital marroquina ainda mais memorável.

    A vila é inteiramente dedicada à arte milenar da cerâmica (“potter” é “oleiro”, ou seja, o artesão que produz com cerâmica): você pode pedir qualquer coisa que os artesãos darão um jeito de fazer com velocidade e impressionante precisão.

    Kasbah dos Oudayas 

    Kasbah dos Oudayas
    Fonte: Davide Cesare Veniani / Wikimedia Commons / CC BY-SA 3.0

    Nenhum roteiro pela capital marroquina estará completo sem uma visita ao Kasbah dos Oudayas.

    Essa vila medieval era ocupada pelos soldados árabes da etnia Oudaya, contratados pelo sultão Moulay Ishmail para proteger a região de eventuais ataques andaluzes.

    Por conta disso, toda a vila é fortificada e protegida por uma muralha, com ruas estreitas e construções históricas pintadas de azul e branco, por onde você poderá encontrar diversos atrativos.

    Na vila, você pode conhecer o Museu dos Oudayas, os Jardins Andaluzes, o Museu de Artes Decorativas de Rabat e a Plateforme du Sémaphore, a praça mais alta da cidade de origem medieval.

    Além disso, a Kasbah dos Oudayas tem localização privilegiada e oferece vista panorâmica da capital do Marrocos e da orla: uma paisagem simplesmente imperdível!

    Vale lembrar que o acesso à Kasbah é gratuito, mas fique de olho no horário de funcionamento, que é reduzido em comparação a outras atrações!

    O que significa Rabat?

    A capital marroquina foi oficialmente fundada no século III a.C., com o nome de Chellah, até a chegada dos romanos, no século I, que tomaram a região e deram o nome de Sala de Colonia a seu acampamento.

    O nome Rabat só foi oficializado no século XI, muito depois da retomada da região pelos árabes, quando a cidade se tornou uma grande fortaleza para proteger a região das investidas dos ibéricos: o nome significa “Fortaleza de Vitória”.

    Como é morar em Rabat?

    A capital do Marrocos é uma cidade próspera e moderna, com vida cultural movimentada e grande importância econômica: a oferta de emprego na região é bastante satisfatória devido à concentração de empresas e multinacionais por lá.

    O custo de vida acaba atraindo muitas pessoas em busca de experiências diferenciadas de vida: gasta-se, em média, 40% menos dinheiro para viver na capital marroquina do que em Madrid, por exemplo.

    Em contrapartida, é necessário ter em mente que o Marrocos é um país árabe e muçulmano. 

    Por mais que a cultura local não seja tão rígida quanto no Catar ou na Arábia Saudita, lembre-se de que você precisará se adaptar a uma realidade bem diferente se resolver morar por lá!

    Não se esqueça do seguro viagem para a África!

    Rabat é um destino apaixonante, com atrações suficientes para encher dias e dias de viagem. Por isso, é fundamental se planejar com cautela para se proteger em caso de imprevisto.

    Já imaginou passar mal num país de língua árabe ou enfrentar problemas com o voo, como extravio de bagagem e cancelamento de viagem? Você pode acabar voltando para casa com prejuízo!

    Por isso, o melhor é se planejar com antecedência e contratar um bom seguro viagem para desfrutar de uma experiência de viagem inesquecível.

    Visite agora mesmo o Seguros Promo para encontrar seguro viagem Marrocos pelo melhor custo-benefício: nossa plataforma oferece opções em diferentes faixas de preço para que você não precise nunca escolher entre tranquilidade e economia!

    Conhecer toda a riqueza da capital marroquina sem abrir mão da segurança e da economia? De Promo você pode!

    Seguro Viagem:
    África
    Intermac I60 Inter (exceto EUA) +Covid-19 Intermac I60 Inter (exceto EUA) +Covid-19
    Assistência médica USD 60.000
    Bagagem extraviada USD 750 (SUPLEMENTAR)
    *Valor referente a 7 dias de viagem.
    AC 35 MUNDO (Exceto EUA) COVID-19 AC 35 MUNDO (Exceto EUA) COVID-19
    Assistência médica USD 35.000
    Bagagem extraviada USD 1.200
    *Valor referente a 7 dias de viagem.
    UA 80 MUNDO (exceto EUA) COVID-19 UA 80 MUNDO (exceto EUA) COVID-19
    Assistência médica USD 80.000
    Bagagem extraviada NÃO
    *Valor referente a 7 dias de viagem.

    Continue sua leitura!

    aaaa