Roteiro Chile: verão ou inverno? Planeje sua viagem!

Roteiro Chile: verão ou inverno? Planeje sua viagem! Destaque
14 maio - 9 minutos de leitura.

O roteiro Chile possui uma série de destinos interessantes ao longo de seu extenso território.

Ao montar um Roteiro para o Chile, uma decisão precisa ser feita: em qual época do ano viajar?

Todos eles se apresentam de forma diferente de acordo com a época em que forem visitados.

Vale, então, conhecer mais sobre cada um deles e suas especificidades!

Roteiro Chile: quando ir

roteiro chile

Fonte: Unsplash

Qual a melhor época para viajar para o Chile? Quando viajar?

Falar em clima no Chile, como um todo, é complicado. Com sua estreita faixa de terra passando por inúmeras latitudes, o que se pode dizer com certeza é que tem variedade!

Há desertos mais ao norte, florestas nevadas, geleiras, climas subtropicais e tropicais. Todos estes climas e biomas possuem algo a oferecer pra quem vem de fora.

As estações também apresentam muita variedade, já que na maior parte do país, as quatro são bem definidas: verão, outono, inverno e primavera.

Em especial, o verão e inverno, que caem no período de férias pra muita gente e representam os extremos de temperatura e de variação nas atrações presentes lá!

Roteiro Chile no Verão

Roteiro Chile no Verão

Apesar de o Chile ser muito conhecido pela Cordilheira dos Andes cheias de neve, há muitos destinos interessantes no verão para se incluir no seu roteiro de viagem para o chile.

Dentre eles, as vinícolas ficam muito mais atraentes, com muito mais presença de folhas verdes, flores e frutas.

Visitar o oceano e as praias chilenas também é muito agradável pra aproveitar o calor e o céu limpo desta época do ano.

Também é um momento mais acessível para a prática de esportes e aventuras, como mergulho, surfe e caiaque ou um trekking pela Cordilheira dos Andes.

Período do verão no Chile

Tendo as estações bem definidas, o Chile encontra grandes variações de temperatura ao longo do ano. Visitar durante o verão é uma boa garantia de encontrar pouca chuva.

Também é uma boa época para quem não quer enfrentar um grande choque climático, vindo dos climas mediterrâneos, tropicais e temperados do Brasil.

Apesar das variações de latitude, na maior parte do Chile o verão é seco e quente, podendo ter temperaturas próximas de 30ºC.

Em geral, mesmo as temperaturas mínimas ainda são mornas ou amenas. Por isso, neste roteiro Chile para o Verão vá com roupas leves e não se esqueça das garrafas d’água e do protetor solar!

1. Santiago

Roteiro Chile verao

Fonte: Pixabay

É uma ótima começar a viagem capital do Chile, Santiago, sua maior cidade e local do maior aeroporto internacional! Tão grande que chama atenção até no cenário global.

Responsável por perto de metade do Produto Interno Bruto chileno, Santiago possui um grande potencial turístico, como no Parque Florestal em Bellavista.

No verão, lugares como esse ficam resplandecentes com a vida vegetal e as flores com cores vibrantes, assim como as vinícolas.

A mais famosa destas é a Vinícola Choncha y Toro, com uma estrutura e arquitetura incrível e visuais deslumbrantes.

O Shopping Mall Sport também pode oferecer atividades ótimas para o verão, como escalada, arvorismo e atividades aquáticas como o surfe em um simulador de ondas!

2. Cajon del Maipo (San José de Maipo)

Também conhecido como Vale do Maipo, este canyon fica na Província de Cordilheira, na Região Metropolitana de Santiago.

Muitos turistas são atraídos para este local por suas atrações naturais, pela beleza do ambiente e por uma oportunidade de se aventurar.

Ou mesmo para relaxar em uma das termas naturais, como as de Baños Morales, Baños Colina e El Plomo.

Para quem estiver mais preparado fisicamente, há opções de trekking bem intensas, que oferecem ótimas vistas, como a das geleiras de San Francisco e El Morado, congeladas no topo mesmo no verão..

3. Valparaíso

A terceira maior cidade do Chile, próxima da um milhão de habitantes, Valparaíso é uma cidade litorânea e sede do poder legislativo chileno.

Sendo litorânea, é de se imaginar, e corretamente, que suas praias sejam um grande atrativo da cidade, dignas de serem incluídas em seu roteiro pelo Chile!

As mais populares são Reñaca e Concón, que oferecem uma ótima infraestrutura, conforto e muitas opções de entretenimento, alimentação e estadia.

Inclusive o hotel Castillo Medieval, completo com a temática e as vestimentas medievais!

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 11/dia*
AC 35 INTER Assistência médica USD 35.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 13/dia*
Affinity 60 Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 21/dia*

4. Viña del Mar

Viña del Mar

Na região metropolitana de Valparaíso se encontra Viña del Mar, outra cidade litorânea com uma extensa faixa de areia, da Praia los Cañones.

A cidade é linda, bem decorada e as praias são muito bem cuidadas. Pra não falar de outras atrações, como a Casa Pablo Neruda, com um grande acervo cultural.

Além de poder curtir as praias num clima quente e ensolarado, há muita cultura e informação na cidade, como as belas arquiteturas de Plaza Soto Mayor e as embarcações do Museu Puerto Marítimo.

Através do Mirante 21 de maio dá pra apreciar muito bem a beleza da cidade e do litoral banhado pelo Oceano Pacífico.

5. Isla Negra

Ao sul de Viña del Mar e ainda na Região de Valparaíso se encontra Isla Negra, na província de San Antonio.

Não é uma ilha, como o nome dá a entender, mas é uma região litorânea em muito contato com praias!

Um dos grandes atrativos da cidade também é o museu que um dia foi a casa de Pablo Naruda, um poeta e ex-senador icônico que influenciou a história do Chile.

Mais uma atração imperdível que a cidade guarda é a Vinícola Undurraga, outra das mais visitadas do Chile, junto a Concha y Toro!

6. Pucón

Mais ao sul, Pucón é uma cidade bastante procurada durante o inverno, pelas oportunidades de esquiar na neve e visitar águas termais.

Ainda assim, ela pode ficar bem quente no verão e adapta sua programação adequadamente.

Vários esportes aquáticos são praticados nos lagos da região, como barco a vela e rafting. Principalmente o Lago Villarrica.

Escalar o Vulcão Villarrica é outra experiência incrível. O trajeto não é muito difícil se for acompanhado por guias, e o verão é uma boa época para isso, porque quanto mais alto, mais frio!

7. Torres del Paine

Torres del Paine

Fonte: Wikipédia

Próximo ao extremo sul do Chile se encontra o município de Torres del Paine, dentre os pontos mais frios do país.

Pra quem não suporte as temperaturas abaixo de zero, o verão é o momento certo pra visitar, já que as temperaturas chegam até em torno de 25ºC.

Mas mesmo nessa época as mínimas chegam bem perto de zero. Mas enfrentar a temperatura e os ventos fortes vale a pena pelos belíssimos visuais.

O Parque Nacional Torres del Paine e suas trilhas são uma ótima experiência, próxima também do Monumento Natural Cueva del Milodón, um sítio arqueológico rico em história antiga.

Dicas para curtir o Chile no verão

Dependendo de onde estiver visitando, os climas podem ser bem parecidos com os que se tem costume de ver no Brasil.

Porém, é importante notar que as variações climáticas podem ser maiores, apesar de serem mais constantes no verão.

E quanto mais ao sul, maior a diferença de tempo entre dias e noites, entre verão e inverno. No verão, os dias são muito mais longos que as noites!

Então confira seu roteiro e se prepare de acordo com seus destinos! Roupas de banho se for a uma praia ou lago, roupas leves, mas também alguma precaução se for passar pelos lugares mais frios e com ventos mais fortes!

Roteiro Chile no Inverno

Roteiro Chile no Inverno

Passamos as estações, vamos falar agora sobre as melhores opções para o inverno no seu roteiro turístico chileno!

O inverno divide opiniões, entre os que acham uma época mais interessante e atrativa e os que não suportam o frio.

De uma forma ou de outra, é verdade que algumas atrações só se encontram disponíveis durante o inverno.

E também, que em algumas regiões do Chile, precauções precisam ser tomadas pra evitar desconfortos em sua viagem.

Período de inverno no Chile

Não tem como deixar de dizer que o interesse de muitos no Chile é a neve. Esportes como o esqui são praticados com frequência no inverno, nos locais que possuem neve.

As vinícolas, apesar de serem mais deslumbrantes no verão, são locais muito agradáveis pra se aproveitar no frio.

Ver icebergs, geleiras e fontes termais são ótimos atrativos, acompanhados pela prática de esportes, como trilhas e escaladas.

Para quem tem interesse na prática de esportes extremos no frio, é especialmente importante ter um bom seguro viagem. Isso pode facilitar sua vida ou até mesmo salvá-la!

Quando começa a nevar no Chile?

O período de neve pode variar, mas costuma aparecer mais entre junho e setembro, que é o período de inverno.

Varia também com o local. Na capital, Santiago, por exemplo, a neve não é um fenômeno tão comum quanto em suas vizinhas, como Farellones..

Mais ao sul e mais próximo à Cordilheira dos Andes é quando se costuma ter a maior chance de ver neve – e mais frio!

1. Santiago

roteiro para o chile no inverno

Fonte: Pixabay

Assim como no verão, a vinícola Concha y Toro é uma ótima opção a se considerar, para se aconchegar no friozinho e curtir excelentes vinhos.

Como outra opção, alguns restaurantes, mais tipicamente no inverno, convidam grupos de dança para se apresentar e até convidam seus clientes para participar!

A prática de esportes pode ser ótima para manter o corpo aquecido nesta época mais fria!

Mas para ver neve e esquiar, o mais fácil é visitar algumas das cidades nos arredores, tal como o Valle Nevado.

2. Valle Nevado

A neve e os esportes de inverno são tão populares no Valle Nevado que vários estabelecimentos só funcionam nesta época do ano.

Apesar de ainda haver atividade em outros períodos do ano, como montanhismo, escalada e ciclismo de montanha, o destino é preferido durante o inverno.

A neve é muito antecipada e alguns estabelecimentos até abrem mais cedo ou fecham mais tarde, dependendo da duração do período de neve.

A condição atual do Valle Nevado pode ser conferida ao vivo em seu site oficial. Ótimo pra se preparar melhor para ir praticar esportes como esqui, snowboard!

3. Farellones

Bem próximo do Valle Nevado, ambos a leste de Santiago, se encontra o vilarejo de Farellones.

A cidade, além de ser muito acolhedora em meio ao frio, é um dos maiores centros de esqui do Chile.

Tanto neste destino quanto em Valle Nevado e outros destinos mais alto na cordilheira, é importante se lembrar que a altitude pode exigir um tempo para se acostumar.

Hospedagem não vai faltar em Farellones! Então especialmente se for praticar esportes de inverno, é recomendado que chegue com alguns dias de antecedência para se acostumar melhor.

4. Deserto do Atacama

Deserto do Atacama

Fonte: Pixabay

A melhor época para não pegar um calor sufocante no Deserto do Atacama é o inverno, quando a temperatura fica próxima dos 20ºC.

E apesar de ser o deserto mais seco do mundo, é um lugar surpreendentemente movimentado!

A paisagem é fenomenal, mas não subestime a secura do clima por lá, assim como o frio. O destino é mais tranquilo se pretender visitar a “cidade oásis”, San Pedro do Atacama.

Inclusive também um dos vulcões nos arredores desta cidade, juntamente com as termas e gêiseres que se encontram por lá!

5. Patagônia Chilena

Patagônia Chilena

Fonte: Pixabay

Em um território dividido com a Argentina, a Patagônia é mais um dos destinos procurados por quem quer encontrar muita neve!

Isso abrange também Torres del Paine e o Parque Nacional de mesmo nome, que adquirem uma nova aparência durante o inverno, e oferecem uma experiência diferente.

E se for passar por lá, pode se acomodar em Puerto natales, com uma grande variedade de restaurantes e hotéis e uma vida noturna bem ativa..

Para chegar lá, é opção pegar a estrada Carretera Austral, acompanhada por uma vista belíssima, que passa por pontos icônicos como o Lago General Carrera e os glaciares O’higgins e San Rafael.

Dicas para curtir o Chile no inverno

O inverno abriga experiências memoráveis. São a melhor época para se aconchegar em um canto quentinho e aproveitar de uma ótima gastronomia.

Mas também é época de aventuras pela neve, presenciar esse fenômeno climático que muitos países nunca veem.

Para os esportistas de inverno, é o momento do ano para praticar seus esportes favoritos, quem sabe até tentar uma competição!

Só não se esqueça de se preparar bem para enfrentar o frio, principalmente nas grandes altitudes que podem ser encontradas no Chile!

Seguro Viagem Chile

Calor ou frio, verão ou inverno, um seguro viagem para o  Chile é uma grande garantia a mais de que sua viagem será tranquila e estará prevenida contra dificuldades.

Mesmo que seus planos não envolvam nada perigoso, um seguro pode cobrir até imprevistos como ter sua bagagem extraviada.

Consulte o melhor plano pra você no Seguros Promo e faça seus preparativos para aproveitar ao máximo sua viagem!

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 11/dia*
AC 35 INTER Assistência médica USD 35.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 13/dia*
Affinity 60 Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (SUPLEMENTAR) R$ 21/dia*


Veja também
Faça sua cotação agora
Conecte-se com a gente
instagram