Viagem para China: dicas essenciais para montar seu roteiro

Viagem para China: dicas essenciais para montar seu roteiro Seguro Viagens
26 novembro - 10 minutos de leitura.

Segundo estudos, a viagem para China vai se tornar ainda mais popular até 2030, ultrapassando até a França, que hoje é o país mais visitado do planeta.

O turismo no continente asiático tem crescido de forma significativa nos últimos anos. E não é por menos, não é mesmo?

Seguro viagem para a Ásia com 15% de desconto. Vale ressaltar que a Seguros Promo cobre qualquer seguro de viagem, consute-nos antes de fechar seu seguro de viagem.

O país conta com uma cultura milenar riquíssima, tradições muito peculiares, um povo que esbanja simpatia, além de abrigar construções históricas surpreendentes que deixam qualquer visitante literalmente de queixo caído. 

Sem contar os edifícios modernos e futuristas que o país tem investido nas últimas décadas. A China é uma verdadeira mistura de passado e presente refletida em suas construções imperiais milenares e prédios contemporâneos, algumas vezes, futuristas. 

Embarque conosco neste guia de viagem e encontre as melhores dicas sobre o que conhecer na China, montando um roteiro incrível para suas próximas férias. 

O que saber antes de viajar para a China

Culinária em Viagem para China
Fonte: Pxhere

O país é, sem dúvida, um destino surpreendente, mas antes de fazer as malas, é preciso que você saiba  algumas recomendações importantíssimas para o sucesso da sua viagem. 

As diferenças culturais entre o Brasil e a China são enormes, sobretudo, quando falamos em idioma e, claro, alimentação. Inclusive, os chineses são bem peculiares quando o assunto é comida. 

Bom, mas a ideia aqui é pontuar item por item para você não se perder. Então, vamos lá! 

Idioma: talvez esse seja uma das principais diferenças entre nós e os amigos de olhinhos puxados. 

O idioma oficial chinês é o mandarim. Por lá, nem todos falam a língua inglesa. Mesmo em hotéis e restaurantes, as pessoas podem ter dificuldades de compreender o idioma americano.

Por isso, é sempre bom listar todos os lugares que quer conhecer, fazer um mapa e também aprender a pronunciar algumas palavras em mandarim, como “obrigada”, “olá” e “preciso de ajuda”. 

Alimentação: os chineses possuem uma culinária muito peculiar. Claro que se estiver disposto, é válido experimentar a gastronomia local, mas se preferir, opte pelas redes de fast-foods e restaurantes ocidentais, que você não corre o risco de errar.  

Moeda: claro que uma viagem para a China exige também a aquisição de moeda local, que é  o Renminbi (RMB), traduzida como moeda do povo. A nossa dica para não se dar mal é usar notas em espécie, uma vez que poucos lugares aceitam cartão de crédito estrangeiro. 

Internet: na China existem muitas restrições quando o assunto são as redes sociais, sobretudo, as americanas, como o Facebook, Twitter, Youtube, entre outras. 

Lá, o uso dessas plataformas é proibido, mas alguns programas conseguem burlar essa restrição e você consegue utilizar a internet.

Não embarque sem seu seguro. E com 15% de desconto neste link!

Como é o clima chinês

Clima em viagem para China na primavera
Fonte: Pxhere

Entre as dicas de viagem para a China está a informação sobre o clima. Assim como o Brasil, o país possui um território muito amplo, possibilitando uma variedade enorme de temperatura em diferentes regiões. 

No nordeste chinês, onde fica a capital Pequim, por exemplo, o clima é semiárido com verões curtos e invernos frios e mais longos, porém, com pouca chuva. 

Já no sudeste, como Guangzhou, capital de Guangdong, terceira maior cidade da China, o clima é tropical e úmido, caracterizado por longos verões, quentes e com chuvas pesadas, mas, em contrapartida, os invernos são mais leves, curtos e quase sem chuva. 

Quando ir para a China?

Por ter uma diferença climática muito significativa, é difícil afirmar qual o período ideal para viajar para lá. 

Mas se quer dicas de viagem para a China, saiba que a maioria dos turistas preferem visitar o país na primavera, que ocorre entre março e maio ou, durante o outono, nos meses de setembro a novembro, quando as temperaturas estão mais agradáveis. 

Já no inverno, entre dezembro e fevereiro, o frio é intenso, sendo que em muitas regiões as temperaturas ficam, em média, abaixo de zero. Por isso, planeje exatamente o período mais adequado para fazer uma viagem inesquecível. 

Documentos necessários em viagem para China e visto

Seguro viagem para China
Fonte: Freeimages

Item essencial para a viagem para China: visto. 

Se você não vai fazer uma viagem de negócios para China, o seu visto será o tipo “L”, que é destinado para turistas. Antes de solicitá-lo, é preciso ter um passaporte com validade mínima de seis meses. Com ele em mãos, preencha um formulário no site do Consulado. 

Em seguida, depois de imprimir, é preciso apresentar, além do formulário, todos os documentos no consulado chinês. Veja quais são eles:  

A passagem aérea de ida e volta comprada, passaporte, comprovante de reserva de hotel ou carta-convite emitida por indivíduo da China, foto 3×4, além de data de chegada e saída, locais de visita e assinatura do representante legal.

Seguro viagem é obrigatório?

Não! Mas esse é o tipo de cuidado que você precisa ter ao planejar uma viagem para a China. Aliás, fazer um seguro viagem é importante para qualquer destino.

Claro que não queremos que nada aconteça, mas imagina você ficar doente ou ter algum incidente por lá? Com certeza, será uma tremenda dor de cabeça!

Por isso, em hipótese nenhuma cogite a possibilidade de sair do país sem fazer um bom seguro viagem, que ofereça as coberturas essenciais para esse tipo de viagem. 

Confira muitas opções de planos no Seguros Promo! E ainda por cima com 15% de desconto através deste link.

Precisa de vacina para entrar na China?

Não há nenhuma vacina obrigatória para entrar na China, mas alguns organismos de saúde internacionais recomendam imunizações específicas contra o tétano e a poliomielite, por exemplo.

Aliás, se você for visitar as zonas rurais, não se esqueça de se proteger dos mosquitos. Então, lembre-se: viagem para China precisa de vacina sim e é fundamental que você não esqueça deste item antes de viajar.

O que conhecer na China: destinos mais famosos

Um país com uma extensão tão grande, certamente teria muitos destinos turísticos para visitar. Por isso, para não se perder na sua lista de destinos, separamos os mais famosos para você. 

1. Pequim

Foto da Grande Muralha da China
Fonte: Unsplash

Com mais de 3 milênios de história, Pequim é famosa pela sua arquitetura moderna e também pelos seus locais antigos e históricos. Um deles é a Grande Muralha da China, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno e Patrimônio da Humanidade.

Na cidade você pode visitar também atrações mais atuais, como a Qianmen, um calçadão com 840 metros de extensão, cheio de lojas.

A Praça da Paz Celestial é um charme à parte e os palácios imperiais da Cidade Proibida precisam estar no pacote de viagem para China, assim como o Templo do Céu, no coração de Pequim.

Veja o que fazer em Pequim. Sugerimos algumas atrações para você aproveitar sua viagem e conhecer mais de Pequim.

2. Xangai 

Com moderna infraestrutura e muito parecida com Nova York e Londres, Xangai conta com ótimas atrações turísticas de qualidade e com bons preços. Ela também é um centro financeiro global com prédios futuristas, como a Torre de Xangai e a Torre de TV Pérola Oriental. 

O grande jardim Yù Yuán também é um encanto, com pavilhões, torres e lagos. Você vai se encantar!

Na sua estadia em Xangai, visite também a rua que é muito parecida com a famosa Times Square americana. Outro local que merece ser visitado é a Cidade Velha, repleta de templos antigos e casas feitas de bambu.

Algumas dicas legais de atrações em Xangai.

3. Xi’an: uma cidade fantástica e muito peculiar!

Foto de Xi'an em viagem para China
Fonte: Freepik

Ela é a capital da província de Shaanxi, localizada no extremo oriental sendo, inclusive, as casas reais das antigas dinastias. 

Na região você vai encontrar sítios arqueológicos localizados nas planícies circundantes de Xian, como, por exemplo, o exército de terracota, conhecido como Bing Ma Yong. 

Essa atração turística conta com milhares de esculturas soldados moldadas manualmente e em tamanho real, representando os exércitos de Qin Shi Huang, o primeiro imperador da China. 

Aliás, essa é a atração mais famosa da cidade e recebe milhares de visitantes todos os anos. Ao visitar o local, aproveite para conhecer o museu e visitar também o Mausoléu do Imperador Qin Shi Huang.

Outro ponto turístico para conhecer em Xi’an é a Montanha Huashan, um dos locais mais bonitos da cidade. Uma dica bem bacana é pedalar pelas muralhas de Xi’an, que são construções muito antigas e tradicionais.

Antes de partir, visite a vila Yuanjia, pois você fará uma viagem no tempo em uma China muito antiga. O local foi construído justamente para preservar as tradições e mostrar aos visitantes os costumes esquecidos na China Moderna.

4. Tibet

Um lugar fantástico, que todo mundo deveria conhecer ao fazer uma viagem para China. 

O Tibet é um território autônomo que pertence à República Popular da China. Ele está situado no planalto da Ásia, ao norte da cordilheira do Himalaia, ocupando também grande parte do centro oeste do país. 

Aliás, o lugar é conhecido como o “teto do mundo”, devido à elevada altitude média. 

Se isso já não fosse o suficiente, a Lhasa, a capital, é um centro religioso e político, que conta com diversos antigos mosteiros, como o Conjunto Histórico do Palácio de Potala, que foi casa de inverno do mestre Dalai Lama.

Também há, no Tibet, o pico mais alto do planeta, com quase 9 mil metros acima do nível do mar. Além do pico da cordilheira do Himalaia, uma cadeia de montanhas que atravessa cinco países.

Durante sua visita por lá, visite ainda o Templo Jokhang, centro espiritual do Tibet, que possui estátua dourada do jovem Buda, em forma de reverência. 

5. Hong Kong

Panorama de Hong Kong, Viagem para China
Fonte: Unsplash

A cidade é muito famosa em todo mundo pela sua atmosfera vibrante, jovem e moderna, com muitos arranha-céus, além de ser um centro financeiro global muito importante. 

No seu roteiro por Hong Kong, inclua  uma visitinha ao topo da Victoria Peak,  que oferece uma das vistas mais lindas da cidade. Não deixe de conhecer o Buda Gigante, que fica em uma região montanhosa de Hong Kong. 

No mesmo local, você também pode visitar o Po Lin Monastery, uma sala com 10 mil estátuas de Buda. As atrações na cidade são enormes e não caberia neste post, por isso, separamos apenas os principais locais para conhecer na cidade. 

Dicas de atrações para você planejar o que fazer em Hong Kong e conhecer melhor a cidade.

6. Chengdu: Antiga e muito tradicional!

Chengdu tem uma história que remonta do século IV a.C. Ela é, com certeza, um dos destinos mais interessantes ao fazer uma viagem para China, pois possui lindos e encantadores pontos turísticos.

Entre os principais estão o Santuário de Wuhou, que abriga as relíquias do período dos três reinos; a casa do poeta chinês, o Du Fu Thatched Cottage, o mosteiro de Wenshu, além do  Daci Temple para uma meditação.

A praça central de Tianfu Square é considerada o marco zero de Chengdu, por isso, ela precisa estar no seu roteiro. 

Além de uma atmosfera religiosa e histórica, a cidade também possui muita fofurice, já que ela abriga o Chengdu Research Base of Giant Panda Breeding.

Se trata do centro de conservação de pandas-gigantes ameaçados de extinção, que podem ser vistos de perto. 

Esse é o tipo de passeio que tem que estar no roteiro de viagem para China.

7. Hangzhou

Hangzhou, viagem para China
Fonte: Pxhere

Uma cidade repleta de atrações turísticas. Em Hangzhou é possível conhecer de tudo um pouco: templos, pavilhões, jardins e pontes com arcos. 

Na margem sul encontra-se o Pagode Leifeng, com seus cinco níveis, uma reconstrução moderna de um prédio erguido em 975 d.C. 

Entre as atrações, faça um passeio pelo de barco pelo lindo lago ocidental, visite as plantações de chá Lóngjîng em Méijiāwù, o Língyĭn Temple, o principal templo budista da cidade.

Hangzhou é um encanto. Reserve alguns dias para conhecer tudo o que a cidade tem para oferecer, porque são muitas atrações lindas, charmosas e históricas. 

Confira algumas dicas de passeios em Hangzhou e aproveite ao máximo sua viagem

Dicas de viagem para China

Com uma cultura tão diferente do Brasil, não é difícil você pagar alguns “micos” na terra dos chineses. Então, para diminuir a probabilidade desses episódios acontecerem, confira as melhores dicas de viagem para a China. 

Anotações em chinês: lembre-se que poucas pessoas falam inglês no país. Então, sempre tenha em mãos anotações de lugares, rotas e endereços em mandarim. Ao pedir informações, essas anotações vão te ajudar. 

Aplicativos: não se esqueça de baixar todos os aplicativos necessários, pois a internet na China é restrita e o sistema do país bloqueia os acessos a diversos sites.

Calendário local: se quer evitar períodos lotados de turistas, é importante se programar. Para você entender, o período do Ano Novo chinês é a época de férias coletivas, então, quase que a China inteira está turistando pelo país.

Não se esqueça que o inverno por lá é rigoroso e muitas atrações turísticas ficam fechadas. Então, programa-se de acordo com o calendário do país para aproveitar a sua viagem para China. 

E não deixe pra trás o seu seguro de viagem. Se o pior acontecer, ele pode salvar sua vida! Confira alguns planos:

Seguro Viagem: Ásia
GTA 60 EUROMAX GTA 60 EUROMAX Assistência médica EUR 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 23/dia*
TA 60 Especial TA 60 Especial Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 16/dia*
AC 60 MUNDO (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 60 MUNDO (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 14/dia*

Transporte na China

Foto aérea de Hangzhou
Fonte: Pxhere

O sistema de transporte na China é de dar inveja, inclusive, em países de primeiro mundo; sem contar que as estradas são um luxo, muito bem pavimentadas e sinalizadas. O transporte ferroviário e aéreo também é um exemplo.

Ao todo, a China conta com mais de 200 aeroportos de grande porte, 121 mil quilômetros de trilhos, que percorrem todo o país, além de 20 mil quilômetros de linhas para os trens bala. 

Com tanta qualidade, já deu para perceber que não é difícil se locomover pelo país. Na China, você tem acesso facilitado as diversas opções de transportes. 

Ônibus

Além do trem ou do avião, os ônibus também são muito bem-cuidados, limpos e com sistema de ar condicionado. O mais legal é que o Google Maps mostra a direção, o número do ônibus para embarcar e o local ideal para descer no seu destino final.  

Táxi 

Hoje em dia, os táxis são muito bons e seguros. O ideal é ter sempre em mãos o endereço do seu destino em mandarim para evitar problemas. Aliás, pegar um táxi nem sempre é fácil mesmo com uma frota grande, isso porque a concorrência entre os clientes é grande.

Metrô

O sistema de metrô na país é quase que a oitava maravilha do mundo. Ao fazer uma viagem para China, você vai se deparar com estações amplas, limpas e muito bem sinalizadas em mandarim e, para a alegria da maioria dos turistas, em inglês também.

Os trens são muito pontuais, com sinalização interna e um refrescante sistema de ar condicionado para amenizar o calor. 

A China é um lugar incrível e você vai amar. Para uma viagem de sucesso, siga algumas das nossas regras. 

Defina exatamente as preferências sobre o que conhecer na China e não se esqueça de cotar as melhores opções de seguro viagem no Seguros Promo. Quer ser feliz na próxima viagem? De Promo você pode!

Confira ainda outros posts interessantíssimos sobre o continente asiático:



Veja também
13 novembro - 2 min de leitura.
Seguro viagem GTA Euromax 55
Faça sua cotação agora
Conecte-se com a gente
instagram