Viajar pela América do Sul: 13 destinos turísticos para visitar

Viajar pela América do Sul: 13 destinos turísticos para visitar América do Sul
19 julho - 16 minutos de leitura.

Viajar pela América do Sul é o sonho de muitos turistas brasileiros, principalmente pela proximidade dos países com o Brasil. Mas você já pensou na quantidade de destinos que esse continente possui?

De praias à montanhas, cada lugar guarda uma história, lenda, cultura e culinária diferente. Já pensou na experiência que será viajar pela América do Sul?

Neste artigo você conhecerá 13 destinos turísticos incríveis e o que cada um deles te reserva de atrações e passeios inesquecíveis.

Viajar pela América do Sul

Viajar pela América do Sul

A América do Sul é o continente perfeito para um mochilão ou tour de férias, a proximidade de seus países e facilidade de locomoção atraem muitos viajantes.

Que a América do Sul é um continente diversificado e reúne os melhores passeios você já sabe. Ao todo são 12 países: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela.

Basta você escolher qual destino mais tem a ver com sua vibe e se jogar. Em uma trip você prefere curtir o frio do Sul ou as águas mornas do Caribe colombiano? Aproveitar as montanhas geladas ou deserto?

Prepare-se para uma imersão em muita cultura, lindas paisagens e muita diversão.

Melhor época para viajar pela América do Sul

Melhor época para viajar pela América do Sul

Fonte: Unsplash

Qual melhor época para viajar pela América do Sul?

Para sua viagem sair como sempre sonhou, é importante saber qual a melhor época para viajar e acompanhar as estações dos destinos que deseja conhecer.

Na hora de planejar lembre-se que as estações nos países da América do Sul são iguais às do Brasil, ou seja, quando é verão aqui também é verão nos outros países, com exceção da Colômbia, Guiana e Suriname, que estão localizadas acima da linha do Equador.

Se você deseja fugir da alta temporada, a dica é não viajar no período de junho e julho, que são de férias escolares, e em dezembro e janeiro, que além de férias são períodos festivos.

Nessas épocas a procura de turistas por passagens e hospedagens aumentam, fazendo com que os valores também.

Então considere fazer uma viagem econômica para América do Sul na primavera ou no outono quando os preços estiverem mais baixos. Ah, e você aproveitará do mesmo jeito.

Caso não tenha essa disponibilidade de datas não tem problema. A América do Sul é linda em qualquer estação, você só precisará de uma programação financeiramente maior para curtir a viagem.

-> Cotação Seguro Viagem América do Sul

Documentos necessários para viajar pela América do Sul

Viajar pela América do Sul

Fonte: Unsplash

Além da qualidade turística, a facilidade de entrar em alguns países da América do Sul atraem cada vez mais visitantes.

Os países que fazem parte do acordo Mercosul isentam os turistas de passaporte e visto, sendo necessário apenas o Registro Geral (RG) para entrada no país.

Porém os demais países solicitam uma documentação mais completa. Veja as exigências de cada um para viajar pela América do Sul:

Argentina e Chile:

  • RG com expedição de até 10 anos;
  • Passaporte não obrigatório;
  • Isento de visto para permanência de até 90 dias.

Bolívia, Colômbia, Paraguai, Peru e Uruguai:

  • RG com data de expedição de até 10 anos;
  • Certificado Internacional de Vacina Contra Febre Amarela emitido pela ANVISA;
  • Passaporte não obrigatório;
  • Isento de visto para permanência de até 90 dias.

Equador:

  • Passaporte original válido;
  • Isento de visto para permanência de até 90 dias;
  • Certificado Internacional de Vacina Contra Febre Amarela emitido pela ANVISA;
  • Seguro Viagem obrigatório.

Guiana e Suriname:

  • Passaporte original válido;
  • Certificado Internacional de Vacina Contra Febre Amarela emitido pela ANVISA.

Guiana Francesa:

  • Passaporte original com validade mínima de 06 meses;
  • Visto;
  • Certificado Internacional de Vacina Contra Febre Amarela emitido pela ANVISA.

Venezuela:

  • RG com data de expedição de até 10 anos;
  • Certificado Internacional de Vacina Contra Febre Amarela emitido pela ANVISA;
  • Passaporte não obrigatório;
  • Isento de visto para permanência de até 90 dias, limitado a três viagens anuais;
  • Seguro Viagem obrigatório com cobertura mínima de USD 40.000.

Seguro viagem América do Sul

mapa america do sul

Apesar de obrigatório em alguns países, a contratação de um Seguro Viagem América do Sul é sempre recomendada para qualquer destino.

Com um seguro viagem você viaja com a companhia da segurança e tranquilidade na mala. Já pensou se acontece um imprevisto e você precisa de um atendimento médico? Ou se sua bagagem é extraviada ou um voo cancelado? O que fazer nessas horas?

Ao contratar um Seguro Viagem América do Sul você terá suporte completo 24 horas por dia e em português via telefone, e-mail, whatsapp e chat.

Os planos de um seguro podem variar de acordo com a sua necessidade. Além da assistência médica e odontológica, você pode solicitar coberturas para extravio de bagagem, cancelamento de voos, regresso sanitário, assistência jurídica, entre outros.

E sabe do melhor? Por um preço que cabe no seu bolso!

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 15 Affinity 15 Assistência médica USD 15.000 Bagagem extraviada USD 1.000 (SUPLEMENTAR) R$ 9/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*

Melhores destinos para viajar pela América do Sul

Já imaginou quantas maravilhas o continente sul-americano reserva? Aposto que você ficou em dúvida com tantas opções, não é mesmo?

Nós selecionamos os melhores destinos para você viajar pela América do Sul sem nenhum arrependimento.

Das praias às montanhas você conhecerá um pouquinho de cada lugar. Preparado para uma viagem incrível?

-> Saiba como funciona o seguro viagem América do Sul

Mapa destinos América do Sul

1. Buenos Aires, Argentina

Viajar pela América do Sul

Fonte: Shutterstock

Buenos Aires é um dos destinos preferidos e, na maioria das vezes, a primeira viagem internacional de muitos brasileiros.

E não é para menos, a capital argentina é cheia de vida, história, passeios e atrações turísticas divertidíssimas.

No centro da cidade está a Praça de Maio com imponentes construções do século XIX, como a famosa Casa Rosada, sede presidencial da Argentina e o Teatro Colón datado em 1908.

Um dos cartões-postais de Buenos Aires é o Obelisco, monumento criado para comemorar os 400 anos de fundação da cidade.

Ele está localizado no cruzamento das avenidas mais movimentadas da capital argentina: avenida Corrientes e 9 de Julho. A 9 de julho já foi considerada a via mais larga do mundo.

Já a área mais turística da cidade é a que contém as janelas e paredes coloridas do bairro Caminito. Um verdadeiro museu a céu aberto com muitos restaurantes, lojas e ateliês.

A região portuária também atrai muitos turistas. Puerto Madero é um ótimo passeio em Buenos Aires, além de mostrar a modernidade da cidade conta com bons restaurantes da culinária local.

Em Puerto Madero você ainda poderá conhecer a Puente de la Mujer e a Fragata Sarmiento.

Um pouquinho de história e arte é sempre bem vindo, né? Visite o Museu de Arte Latinoamericana – MALBA, o local exibe quadros de Tarsila do Amaral e Frida Kahlo.

E o futebol? Que a Argentina é um dos maiores rivais futebolísticos do Brasil, nós já sabemos. Que tal conhecer a casa de um dos times mais consagrados do país?

La Bombonera é o estádio do Boca Juniors e a atração preferida dos amantes do futebol. Lá você pode visitar o museu e o estádio em um tour pela história do clube. Se der sorte, até consegue pegar um dia de jogo.

Ah, não deixe de visitar um dos principais símbolos da cidade. A Floralis Generica é um monumento metálico em forma de uma flor, no qual as pétalas abrem e fecham durante o dia.

Outros pontos de interesse são: o Cemitério da Recoleta, Rosedal de Palermo e Planetário Galileo Galilei. Mas viajar pela América do Sul não se resume a Buenos Aires! Veja outros destinos incríveis a seguir.

2. Colonia del Sacramento, Uruguai

melhor viagem america do sul

As ruas de Colonia del Sacramento irão te encantar de um jeito que você não vai querer ir embora. Já adiantamos que o melhor passeio da cidade é se perder pelas coloridas ruas de pedras.

A cada ruela uma descoberta diferente, seja uma casinha fofa, um museu, uma fachada colonial, uma praça ou um delicioso restaurante.

Apesar de deixar o ritmo da cidade guiar seu passeio ser a melhor opção, separamos algumas coisas que você deve aproveitar na charmosa Colonia del Sacramento.

Visite a Puerta de la Ciudadela, também conhecida como Puerta de Campo. Ela foi construída em 1745 para amparar as muralhas que protegiam a cidade dos invasores.

Suba no Farol e aprecie a vista da cidade lá do alto. O Farol é um dos pontos turísticos mais fotografados da Colonia.

Sente-se em um dos banquinhos no Muelle Viejo e aguarde o espetáculo do astro rei. O local é um dos mais disputados para ver o pôr do sol.

Se tiver a oportunidade de ficar e curtir a noite de Colonia del Sacramento, aproveite. Você não irá se arrepender.

3. Cartagena das Índias, Colômbia

Viajar pela América do Sul

Fonte: Shutterstock

Já sabe o que conhecer em Cartagena das Índias, a importante cidade histórica do litoral da Colômbia? Nós te contamos o que tem de melhor para fazer na cidade amuralhada.

Comece o seu tour pela Torre do Relógio, cartão-postal localizado na principal porta de acesso à cidade. O relógio original veio dos EUA em 1874, sendo substituído após 63 anos pelo relógio atual.

Depois siga para um dos pontos turísticos mais representativos da cidade, a Muralha de Cartagena das Índias. A grande muralha possui 11 quilômetros de extensão que contornam a cidade antiga.

Seguindo o tour pelos lugares históricos, chegamos ao Museu da Inquisição. No antigo Tribunal de Penas do Santo Ofício é possível observar instrumentos de torturas utilizados em 1610, além de documentos históricos.

Já na Praça de San Pedro está a antiga igreja jesuíta, Catedral de San Pedro Claver, fundada no século XVII. Pedro Claver era conhecido como o “escravo dos escravos”. Os restos mortais do missionário estão no altar da igreja.

Passeie por Bóvedas e se jogue nas compras pelas 23 lojinhas de artesanatos e lembrancinhas. Prepare-se para passar muito tempo por lá fazendo compras.

Suba ao Convento de La Popa. Ele foi construído pelos agostinianos que buscavam um lugar tranquilo para abrigar os escravos que fugiam. Além da importância histórica, o convento possui uma vista linda da cidade de Cartagena.

Não deixe de curtir Bocagrande. A região conta com belos prédios, hotéis e ótimos restaurantes. Além disso, as pequenas praias são muito atraentes e perfeitas para um mergulho.

4. Deserto do Atacama, Chile

Viajar pela América do Sul

Fonte: Unsplash

O Deserto do Atacama é conhecido por ser um dos lugares mais incríveis da América do Sul. A beleza local é indescritível e cativante.

San Pedro de Atacama é a base para as visitas ao Deserto do Atacama. O vilarejo conta com diversas agências turísticas que oferecem diferenciados tours. Nesse destino é importante que você tenha um guia.

Apesar da infinidade de possibilidades de passeios, existem alguns que são essenciais, veja só:

Comece pelo Valle de La Luna + Valle de La Muerte. Por lá você encontrará formações exóticas de sal, dunas enormes e um lindíssimo cânion para caminhada.

Esses trajetos são perfeitos para trekking. Aproveite o dia e fique para o pôr do sol no Vale da Morte.

Depois siga para Laguna Cejar. Essa lagoa possui 40% de sal, fazendo com que quem entre nela não afunde, apenas flutue. O banho é gelado, mas a experiência é incrível.

O passeio pelas Lagunas Altiplânicas levam para as lagoas Miscanti, Miñisquez e a Chaxa, onde é possível encontrar flamingos.

Que tal depois de uma bela caminha pelas lagoas você se refrescar no Termas de Puritama? Um verdadeiro oásis no meio do deserto. As piscinas são naturais e de águas quentinhas.

A noite no deserto é exuberante. Faça um Tour Astronômico, que te levará para observar as estrelas. Com a ausência de luz, nuvens e poluição, o Deserto do Atacama revela um céu impressionante e uma infinidade de estrelas aparece.

5. Ushuaia, Argentina

Ushuaia é uma pequena cidade no Sul da Argentina, também conhecida como “fim do mundo”. Mas não se engane, ela possui muitos atrativos, bons restaurantes, lojas e cassinos.

Para começar o tour pela capital da Terra do Fogo, faça uma caminhada pela orla do Canal Beagle. De lá dá para admirar a Cordilheira dos Andes e o Porto de Ushuaia.

Pegue um barco no Porto. Este passeio permite conhecer pontos de interesse, como Ilha dos Lobos e o Farol Les Eclaireurs.

Depois faça uma visita guiada pelo Museu Marítimo. Lá você entenderá mais sobre a história da cidade e como ela foi criada a partir da construção de um presídio.

Não deixe de fazer um passeio no Trem do Fim do Mundo, que te levará ao Parque Nacional Tierra del Fuego. O local é perfeito para uma caminhada.

Suba ao mirante da Glaciar Martial. Para chegar lá é necessário um pouquinho de fôlego para andar a pé por 2 horas, mas a paisagem é deslumbrante e faz todo o esforço valer a pena.

E para conhecer os belos e famosos lagos Fagnano, Escondido e o Esmeralda, pegue um passeio de 4×4.

A noite na cidade não é das mais agitadas. O point local é um pub chamado Dublin, onde é possível beber e fazer novas amizades.

6. Punta del Este, Uruguai

Viajar pela América do Sul

Fonte: Pixabay

A agitada cidade de Punta del Este é o principal destino de turistas que buscam luxo, badalação e boas praias.

Comece caminhando ou pedalando pela Rambla do Porto, assim você já começará a entrar no ritmo da região.

Aproveite ao máximo as praias da cidade. Na Playa Mansa você encontrará mar calmo e de água doce, já que este é banhado pelo Rio da Prata.

Já a Playa Brava, como o nome já sugere, possui um mar com muitas ondas e água salgada.

Alí você também encontrará um dos principais cartões-postais de Punta del Este, o monumento Los Dedos. A estrutura dos dedos brotando da terra deixam os turistas curiosos.

Faça um passeio pelos museus da cidade. No Museo Ralli, você encontrará obras de diversos artistas da América Latina, como o Salvador Dalí.

Já no Museo do Mar, você conhecerá salas temáticas como a de Mamíferos Marinhos e Piratas.

A Casapueblo é um dos pontos turísticos mais disputados da região. Localizada em Punta Ballena, a 20 minutos de Punta Del Este, é um passeio que vale muito a pena.

A casa era residência de verão do artista uruguaio Carlos Páez Vilaró. Hoje é um museu com galeria de arte, loja, restaurante e hotel.

Sua estrutura lembra as construções gregas em cor branca. A nossa dica é ficar para o pôr do sol, um dos mais bonitos que você verá.

Ah, aproveite as badaladas casas noturnas e os cassinos de Punta del Este para se jogar nas noitadas. A diversão é mais do que garantida.

7. San Andrés, Colômbia

Viajar pela América do Sul San Andrés Colômbia

Fonte: Shutterstock

A ilha colombiana, localizada no Caribe, é um verdadeiro paraíso. Com praias de areias brancas e águas em diversos tons de azul, encanta todos que a conhecem.

E sabe o que é melhor? É um dos destinos mais baratos para conhecer as praias do Caribe. San Andrés não faz parte do circuito de viagem dos americanos e europeus, fazendo com que os preços sejam mais acessíveis, porém as belezas são tão bonitas quanto.

Ah, um detalhe importante é que para visitar na ilhota você precisa pagar uma taxa de turismo, cerca de US$ 35. Então providencie ela no aeroporto, antes de embarcar para San Andrés.

As praias serão os principais passeios, e aliás a ilha possui muitas. Porém cada uma com seu charme especial.

Então comece fazendo uma volta na ilha, cada cantinho tem uma beleza única. A dica é alugar um chiva, uma espécie de caminhão aberto, que te levará para o passeio.

Conheça o paraíso chamado El Acuario, uma ilha que parece mais uma piscina de tão calma e transparente. Dá para você observar as diversas espécies de peixe como se fosse um aquário.

West View é o local perfeito para quem busca um pouquinho de aventura em meio às praias paradisíacas. O pequeno parque ecológico possui um trampolim de 10 metros que cai em uma piscina natural cheia de peixes e corais coloridos.

Conheça os corais bem de pertinho. Afinal os corais de San Andrés são conhecidos mundialmente pela sua beleza. Então experimente o centro de mergulho do Hotel Boutique Playa Tranquilo. Não é necessário estar hospedado por lá.

Ah, e não precisa ser experiente no assunto. O local conta com instrutores que irão te auxiliar no que for preciso para sua prática ser inesquecível.

8. Valparaíso, Chile

Viajar pela América do Sul

Fonte: Pixabay

A cidade de Valparaíso é muito mais que só cor, é um dos maiores polos de arte do Chile. A cidade colorida é um verdadeiro museu a céu aberto.

Suba para o Cerro Concepción, uma das partes mais altas da cidade. A região foi sede dos colonizadores alemães e ingleses, pois possuía uma vista para o mar e um ar mais puro.

O local conta com enormes construções e mansões da época da colonização, que foram transformados em museus e mirantes de observação.

Depois faça um tour pelas praças de Valparaíso: Plaza Simón Bolivar, Plaza Victoria e a Plaza Sotomayor. Além de históricas, são ótimas para descanso e passeios com crianças.

Já que a cidade é conhecida por suas cores, que tal uma volta por Paseo Gervasoni? As ruas e vielas com construções coloridas são um charme à parte. Já os grafites dão um toque ainda maior à beleza do local.

Faça um passeio nos ascensores, uma espécie de elevador/bondinho que te leva para o topo dos cerros da cidade.

Pegue um para conhecer o Paseo 21 de Mayo, um dos mirantes mais famosos de Valparaíso. Além de ter uma das melhores vistas da cidade e do porto, há uma maravilhosa feirinha de artesanato e lembrancinhas.

Valparaíso não é uma cidade com muitas praias, mas vale a pena curtir um dia de sol na Playa Las Torpederas ou na Las Docas.

Aproveite as noites para conhecer os restaurantes da cidade e se deliciar com a culinária chilena.

9. Machu Picchu, Peru

Viajar pela América do Sul

Fonte: Shutterstock

O que fazer no Peru? A cidade perdida dos incas é um dos principais destinos de mochileiros e viajantes pela América do Sul. E não é para menos, o local reserva grande conteúdo histórico e muitas lendas.

Machu Picchu possui uma beleza única, que foi reconhecida como uma das sete maravilhas do mundo moderno.

A cidadela possui muitos mistérios que até hoje não foram desvendados, como os monumentos construídos com pedras que pesam mais de 20 quilos.

A entrada em Machu Picchu é restrita a 2.500 turistas por dia. Na primeira visita é obrigatório a contratação de um guia.

Para chegar à cidade você pode optar por subir de ônibus ou fazer a tradicional trilha dos incas, que dura em média 4 dias.

Indo pela trilha dos incas, você chegará na parte mais alta da montanha e encontrará o Portão da Cidade. Acredita-se que funcionava como uma porta de controle, no qual apenas pessoas autorizadas pela elite do Império podiam entrar.

Já a Pedra de Intihuatana é um relógio solar e muito procurada pelos turistas que buscam proteção e boas energias.

Não deixe de passar pelo Templo do Sol, a única construção semicircular de Machu Picchu. O templo era o local onde os incas realizavam cerimônias religiosas para seus deuses.

Ah, não se esqueça que a cidadela possui regras de visitação. A entrada de objetos como: pau de selfie, tripé, sombrinhas, bebidas alcoólicas, carrinhos de bebê, drones e mochilas grandes não é permitida.

10. Bariloche, Argentina

Viajar pela América do Sul

Fonte: Shutterstock

Bariloche é o destino perfeito para os brasileiros que desejam ver a neve pela primeira vez. Além do custo-benefício, a cidade é aqui do nosso ladinho.

Mas a cidade é muito mais do que só neve. Faça o Circuito Chico. Ele irá te levar para um passeio pelas paisagens mais bonitas de Bariloche com um pouquinho de cultura local.

Parte do circuito é o Lago Nahuel Huapi, um dos lugares mais bonitos da cidade. Pegue um barco e passeie pelas ilhas do lago.

Já o Cerro Campanário é parada obrigatória. Ele está localizado a 1050 metros acima do nível do mar. Lá de cima é possível ter uma visão de 360º graus da região.

Outro cerro famoso é o do Otto, onde é possível apreciar as montanhas e lagos em uma paisagem só.

A subida pode ser feita tanto no inverno quanto no verão. No inverno você pode praticar os esportes de neve, como o esquibunda.

Caso tenha interesse em esqui e snowboard, o Cerro Catedral é o ideal. São mais de 100 quilômetros de pistas.

Depois aproveite para caminhar pelo centro cívico da cidade, além de uma linda arquitetura, o local sempre recebe eventos ao ar livre. Aproveite!

11. Santiago, Chile

Viajar pela América do Sul

Fonte: Pixabay

Santiago tem atrações para você fazer durante uma semana seguida. A cidade é moderna e charmosa, o que encanta ainda mais os turistas.

Comece o tour subindo o Cerro San Cristóbal! O passeio é divertido, pois a subida é feita de funicular, uma espécie de caminho de ferro. As crianças adoram!

Lá em cima você ainda pode dar uma voltinha de teleférico pelo Parque Metropolitano.

Depois siga para o centro antigo e visite o Mercado Central de Santiago, parada obrigatória na cidade.

O passeio pelo mercado é uma verdadeira aula sobre frutos do mar com peixes que nunca vimos pelo Brasil. Ah, aproveite para provar uma típica centolla, uma espécie de caranguejo enorme.

Do Mercado Central siga para o coração da cidade velha e visite a Plaza de Armas, onde está a Catedral Metropolitana e o Museu Histórico Nacional.

Depois continue até o Palácio de la Moneda, sede presidencial chilena e aguarde pelo evento da troca de guarda, que acontece a cada dois dias. Confira se haverá no dia do seu passeio.

Faça um tour pela famosa vinícola Concha y Toro. O esquema de visitação é super organizado e com guias em português. Se você nunca visitou uma vinícola essa é a ideal.

Não deixe de subir ao Sky Costanera, o mirante mais alto da América Latina com 300 metros. Opte por subir no fim da tarde, a luz dourada do sol se pondo é um espetáculo à parte.

Se sua viagem for no inverno e você deseja aproveitar os esportes na neve, o Valle Nevado é a montanha perfeita. Lá você pode andar de teleférico, almoçar em um restaurante a 3.200 metros de altitude e fazer aulas de esqui e snowboard.

Caso não seja época de neve e você queira conhecer uma montanha chilena, vá para o Cajón del Maipo. Os banhos termais no cânion El Morado e na represa Embalse el Yeso são os principais atrativos do local.

12. Montevidéu, Uruguai

Viajar pela América do Sul

Fonte: Shutterstock

Você sabe o que fazer em Montevidéu? A cidade é cheia de atrações e passeios imperdíveis. Veja só o que você não pode deixar de conhecer.

Comece pelo centro histórico da cidade, conhecido também como Ciudad Vieja. A arquitetura de seus imponentes prédios chama atenção de longe.

Um pouco mais para frente da Ciudad Vieja está a Plaza Independencia, uma das praças mais famosas de Montevidéu. No centro da praça você encontra o Mausoléu e uma estátua do General José Artigas.

Ao redor você verá o Palácio Salvo e o Teatro Solís, um dos mais antigos da cidade, construído em 1856. Se tiver a oportunidade, curta um espetáculo no local. </p.

Quer fazer compras? A Avenida 18 de Julho é perfeita. Lá você encontrará de tudo! Lojas de roupas, sapatos, eletrônicos, bares e restaurantes.

Para apreciar uma boa comida chilena, vá para o Mercado do Porto. Se jogue na parrillada, carro-chefe da culinária local.

Ah, e o futebol? Futebol é futebol em qualquer lugar do mundo. Aproveite a passagem por Montevidéu e visite o Estádio Centenário, o histórico estádio que recebeu a primeira Copa do Mundo.

13. La Paz, Bolívia

Viajar pela América do Sul

Fonte: Shutterstock

La Paz é a maior cidade da Bolívia, mas suas atrações turísticas estão concentradas pelo centro, tornando fácil sua visitação.

Comece visitando a Praça Murillo. Lá você encontrará outros três pontos turísticos: o Congresso, o Palácio Quemado e a Catedral.

Depois vá para a Igreja e Convento de São Francisco. É a igreja mais popular da cidade por causa de sua imponente estrutura.

Passeie pela Calle Sagarnaga. A rua reúne toda infraestrutura para atender os turistas. São diversos bares, restaurantes, casas de câmbio, hotéis e lojas locais.

Logo à frente você encontrará o famoso Mercado das Bruxas, um conjunto de lojas que ocupam várias ruas do centro da cidade.

É lá que você encontrará artesanatos locais, roupas e típicas quinquilharias para levar de lembrança da viagem. Se você gosta de um mistério também está no lugar certo.

O Mercado das Bruxas é conhecido por vender produtos exóticos, poções, ervas medicinais, amuletos e outros ingredientes.

Ah, e não deixe de conhecer um dos vários mirantes que La Paz possui, entre eles os mais conhecidos são o Killi Killi e o Laikakota.

Cotação Seguro Viagem América do Sul

viagem america do sul

Agora que você já possui várias sugestões de cidades para viajar pela América do Sul, que tal viajar seguro?

Faça agora a sua cotação de Seguro Viagem América do Sul no site do Seguros Promo e garanta os melhores preços.

Lá você pode comparar até quatro seguradoras e escolher o melhor plano de cobertura para viajar pela América do Sul.

Não perca tempo. Quer viajar seguro? De PROMO, você pode!

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 15 Affinity 15 Assistência médica USD 15.000 Bagagem extraviada USD 1.000 (SUPLEMENTAR) R$ 9/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*