icone segurospromo
Cobrimos qualquer oferta!
Garanta o menor preço do mercado
Pesquisar!
15 fevereiro - 9 minutos de leitura.

Vistos para Europa: como funciona, tipos de visto e documentos 

Chris standing up holding his daughter Elva Europa

As dúvidas acerca dos vistos para Europa são comuns entre viajantes que estão planejando a primeira viagem para o Velho Continente. 

Pensando nisso, criamos esse guia super completo, com todas as informações necessárias para você tirar essa viagem do papel.

Saiba de tudo sobre o Seguro Viagem para a Europa antes de viajar!

Vistos para a Europa: informação e dicas para viagem

Antes de começar a viagem é importante organizar um roteiro, principalmente se você estiver planejando um mochilão pela Europa

Um dos grandes atrativos do continente é a facilidade de se locomover de um país para o outro. 

Graças ao Tratado de Schengen o turista pode circular livremente entre os países que fazem parte do acordo sem precisar se preocupar com os vistos para Europa.

As passagens de avião para viagens dentro do continente são bastante acessíveis. E em países como Bélgica, França, Holanda e Alemanha, os trens na Europa são uma ótima alternativa.

Como funciona o visto para a Europa?

Como funcionam os Vistos para Europa
Fonte: Pixabay

Apesar de ser composta por cerca de 50 países, a Europa mantém uma certa homogeneidade em relação à algumas políticas relacionadas ao turismo. 

Sim, o Tratado de Schengen é um dos principais responsáveis por isso. Mas muita gente continua se perguntando como obter o visto para Europa.

Considerando a dimensão do país e que cada um conta com suas próprias regras, vamos tentar explicar de maneira mais generalizada como funciona o processo.

Quais são os tipos de vistos para a Europa?

Os tipos e nome dos vistos podem variar bastante de um país para o outro. 

É importante sempre buscar informações individuais do destino a ser visitado para não deixar passar nenhuma dica valiosa.

No geral, os vistos são divididos em visto de turismo, trabalho, estudo e o visto europeu permanente. Veja abaixo: 

Visto Europa para turismo 

Vistos para Europa para turismo
Fonte: Unsplash

Se você estiver apenas turistando e o tempo da sua viagem não ultrapassar um período de 90 dias, o visto para Europa não será exigido em nenhum país. 

Assim que você chegar no seu destino, seja ele qual for, terá que passar pela imigração, e apresentar os seguintes documentos:

  • Passaporte com validade mínima de 3 meses após a data de partida;
  • Passagem de retorno;
  • Comprovante de hospedagem ou carta-convite;
  • Seguro viagem com cobertura mínima de 30.000 euros;
  • Comprovar que tem renda suficiente para se manter no país durante o período da viagem.

Se estiver com tudo certinho, seu passaporte vai receber uma espécie de autorização de viagem. Assim, você poderá circular livremente pelos países que fazem parte do tratado.

Para entrar em países que não fazem parte do acordo é preciso passar pela imigração e apresentar os documentos novamente. 

Visto para Europa para estudantes

Se o seu objetivo é estudar na Europa, o ideal é pesquisar individualmente sobre quais são as exigências do país de destino para obter um visto de estudo. 

O que podemos adiantar é que em alguns países como a Inglaterra, por exemplo, se a sua estadia for inferior a 6 meses, você não precisa de se aplicar previamente para o visto europeu. 

Você só precisa apresentar os documentos para a imigração no momento do desembarque. E Malta segue a mesma regra, com a diferença que o período máximo deve ser de 3 meses.

Contudo, um dos países mais procurados por estudantes é a Irlanda, pois o país dispõe de um visto específico que permite trabalhar e estudar.

Visto europeu trabalho

Vistos para Europa para trabalho
Fonte: Pixabay

A primeira dica é descobrir quais são as leis do país de destino e quais os requisitos para quem quiser solicitar o visto europeu de trabalho. 

Mas se você ainda não tiver nenhum destino em mente, talvez seja interessante procurar saber mais sobre os países que facilitam o processo para os brasileiros. São eles:

  • Espanha
  • Irlanda
  • Itália
  • Nova Zelândia 
  • Portugal

Visto europeu permanente

Conseguir um visto europeu permanente é o sonho de muita gente e é claro, não é lá a coisa mais fácil do mundo.

Até mesmo para quem tem cidadania europeia, o processo pode ser bastante demorado e burocrático. Para quem tem dinheiro sobrando, existe a opção de “comprar” a sua cidadania.

Muitos países oferecem pacotes para viajantes que desejam passar mais tempo ou estabelecer residência por lá. Mas eles não são nem um pouco acessíveis.

É claro que essa não é a única alternativa e vários países europeus possuem brechas em suas leis que permitem que você conquiste a sua cidadania. 

Mas essas informações devem ser pesquisadas individualmente.

Visto para tratamento de saúde

Vistos para Europa para tratamento de Saúde
Fonte: Pexels

Se o motivo da sua viagem é fazer algum tipo de tratamento de saúde, acesse esse link e selecione o país de destino para ter mais informações sobre como programar o tratamento em cada lugar.

Visto para Europa mais de 90 dias: como tirar

E se a sua viagem exceder o período de 3 meses, você precisará descobrir qual o processo do seu país de destino para tirar o visto Europa para mais de 90 dias.

Uma forma legal de permanecer na Europa por mais de 90 dias é encaixar os países que não fazem parte do Tratado de Schengen.

No Reino Unido, por exemplo, você pode ficar por até 180 dias sem a necessidade de visto. E 90 dias em países como a Irlanda, Croácia, Suíça e Bulgária.

Nenhum desses destinos vai exigir o visto para Europa, mas será necessário passar pela imigração em todos eles.

Você pode passar o período de 180 dias viajando pelos países que não fazem parte do acordo e ao final do prazo você pode voltar para o espaço Schengen e renovar sua autorização para ficar por mais 90 dias. 

Seguro obrigatório para entrar na Europa

O seguro obrigatório para entrar na Europa é um dos documentos mais importantes para mostrar para a imigração na hora de dar entrada no país. 

Seguro Viagem: Europa
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 20/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*

Ele deve ser apresentado para dar entrada nos países que fazem parte do Tratado de Schengen. E mesmo não sendo obrigatório no restante do continente, ele é extremamente recomendado. 

Vistos para Europa: o que é necessário?

O que você vai precisar para dar entrada no continente, independente do país são os seguintes documentos:

  • Passaporte com validade mínima de 3 meses após a data de partida;
  • Passagem de retorno;
  • Comprovante de hospedagem ou carta-convite;
  • Seguro viagem com cobertura mínima de 30.000 euros;
  • Comprovar que tem renda suficiente para se manter no país durante o período da viagem.

É claro que é sempre importante observar qual o seu tipo de visto e se o país em questão faz a exigência de alguma vacina em particular.

Garanta suas passagens aéreas para a Europa de ida e volta com preços excelentes!

É preciso tirar visto para Europa?

Como você já sabe, para viagens de até 90 dias os vistos para Europa não são necessários. Em caso de visto de estudante ou visto de trabalho, consulte o portal de imigração do seu destino.

Como obter visto para Europa?

Caso você precise de um visto específico para dar entrada no continente, acesse o site de imigração do destino, solicite o visto que você precisa e agende uma entrevista no consulado em questão. 

Onde tirar visto para Europa?

Se a sua viagem exceder o período de 90 dias, a solicitação do visto deve ser feita on-line, junto com o pagamento da taxa e a entrevista deve ser feita presencialmente no consulado do país de destino.

Etias Europa

O que é o ETIAS
Fonte: Pexels

O Etias Europa será uma solicitação online obrigatória para viajantes brasileiros, americanos, canadenses, australianos, japoneses, israelenses e neozelandês. 

Ela entrará em vigor a partir de 2021 nos países que participam do Tratado de Schengen e custará 7 euros.

O Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem (tradução da sigla em inglês) foi criada com o objetivo de proteger as fronteiras europeias de possíveis ameaças terroristas e de imigrantes ilegais. 

Por meio dela será possível ter mais controle sobre quem entra no continente. 

Como funciona o Etias?

Com antecedência mínima de 96 horas da viagem será necessário preencher um formulário on-line. Nele você vai informar seus dados pessoais, passaporte e colocar seu histórico de viagens.

Todas as informações passarão por análise na União Europeia, em seus bancos de dados, e pela Interpol. 

Assim será possível checar se o nome da pessoa está relacionado a alguma atividade criminosa ou terrorista.

Por meio do Etias Europa também será possível verificar se a pessoa já foi deportada de algum dos países do Tratado de Schengen. 

Se tudo estiver certo com os seus dados e sua solicitação não precisar passar por um processo de análise mais criteriosa, ela será aprovada em alguns minutos e terá validade de 3 anos.

Quais países da Europa precisam de visto para entrar?

Quais países exigem visto na Europa
Fonte: Pexels

Para viagens de até 90 dias, você não vai precisar do visto para Europa para dar entrada em nenhum país.

Até mesmo os países que não fazem parte do Tratado de Schengen não fazem a exigência do visto. 

Mas esteja atento aos documentos que serão cobrados pela imigração na hora do desembarque. 

Se estiver com tudo certinho, você vai receber uma autorização de viagem que te permite circular pelo país em questão por até 90 dias. 

Se o seu destino faz parte do Tratado de Schengen você pode circular por todos os outros países assinantes sem precisar apresentar os documentos nas fronteiras.

Quais os países da Europa que não precisa de visto?

Se a sua viagem não exceder o período de 90 dias, você pode viajar sem visto para qualquer um dos países da Europa. 

Se estiver dentro do Espaço de Schengen ainda tem a liberdade de circular livremente por todos os 26 países assinantes sem precisar passar pela imigração em cada um deles.

O que é o Tratado de Schengen?

O Tratado de Schengen é um acordo firmado entre 26 países da União Europeia, que permite o livre comércio e circulação de turistas entre os países assinantes.

Os países que fazem parte do tratado são: 

  • Alemanha
  • Áustria
  • Bélgica
  • Dinamarca
  • Eslováquia
  • Eslovênia
  • Espanha
  • Estônia
  • Finlândia
  • França
  • Grécia
  • Hungria
  • Islândia
  • Itália
  • Letônia
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Malta
  • Noruega
  • Países Baixos
  • Polônia
  • Portugal
  • República Tcheca
  • Suécia
  • Suíça

Os países que não fazem parte do tratado de Schengen atualmente são:

  • Reino Unido: Inglaterra, Escócia, Irlanda do Norte e País de Gales;
  • Irlanda;
  • Bulgária;
  • Chipre;
  • Croácia.

O espaço Schengen para brasileiros

Graças ao espaço de Schengen você pode viajar de um país para o outro sem a necessidade de se apresentar para a imigração. 

O mesmo acordo também exige a contratação de um seguro viagem com cobertura de no mínimo 30.000 euros. 

Esse seguro é uma garantia de que você irá poder arcar com possíveis despesas médicas durante o período que estiver no espaço Schengen.

Dicas para a sua viagem à Europa

Dicas de viagem na Europa
Fonte: Pixabay

E agora que você já sabe tudo sobre os vistos para fazer um Tour pela Europa, vamos às dicas práticas para a viagem: documentação necessária, seguro viagem e outros. 

Documentos necessários para viagem internacional

Independente do destino final da sua viagem é importante saber quais são os documentos necessários para viagem internacional. São eles:

  • Passaporte com validade mínima de 3 (ou 6) meses após a data de partida;
  • Passagem de retorno;
  • Comprovante de hospedagem ou carta-convite;
  • Seguro viagem com cobertura mínima de 30.000 euros;
  • Comprovar que tem renda suficiente para se manter no país durante o período da viagem.

Também é importante checar o portal de imigração oficial do destino em questão para saber se eles exigem alguma vacina e também para encontrar informações de segurança relacionadas ao lugar.

Validade do passaporte para viajar para Europa

Muita gente fica na dúvida de qual deve ser a validade do passaporte para viajar para a Europa. Geralmente o passaporte precisa ter validade de pelo menos 3 meses após a data da partida. 

Mas alguns destinos podem exigir a validade de 6 meses. Por isso é importante ficar atento e se precisar, renove o seu passaporte antes da viagem.

Qual a quantidade mínima de euros para entrar na Europa?

Quantidade mínima de Euros para levar
Fonte: Pexels

E como a gente já explicou ali em cima, é preciso comprovar renda para se manter no país durante a viagem. 

Mas afinal, qual a quantidade mínima de euros para entrar na Europa? A resposta pode variar bastante de um país para o outro.

Mas no geral é necessário comprovar no mínimo 65 euros por dia de viagem. 

Cotação seguro viagem Europa

Tirou todas as suas dúvidas sobre os vistos para Europa? Agora é hora do planejamento! 

Não se esqueça que o seguro é obrigatório para transitar nos países signatários do Acordo de Schengen. 

E mesmo quando não é obrigatório, os benefícios do seguro viagem são extremamente recomendados para qualquer destino. 

Com um investimento super acessível por dia você tem direito a coberturas que vão garantir a sua tranquilidade. 

No caso de imprevistos durante a viagem como acidente pessoal, extravio de bagagem, atraso e cancelamento de voo, entre outros, você terá auxílio rápido e poderá seguir viagem! 

Faça sua cotação e garanta já o seguro viagem ideal para sua jornada. Conte com nossa equipe em caso de dúvidas. 

Seguro Viagem: Europa
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 20/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*

Aqui no Seguros Promo você encontra os melhores planos e os melhores preços. De Promo você pode!

Saiba de tudo sobre a Europa antes de viajar!

Veja também


Recomendado para você
Melhor preço garantido
faça uma cotação e confira.
Conecte-se com a gente