icone segurospromo
Não perca tempo!
Faça sua pesquisa e garanta o menor preço
Pesquisar!
14 dezembro - 8 minutos de leitura.

Turismo em Mendoza: conheça essa incrível cidade argentina

Chris standing up holding his daughter Elva América do Sul

O turismo em Mendoza tem uma combinação perfeita: vinho e neve. A cidade argentina fica na montanha mais alta da América do Sul.

E como se não bastante tanta perfeição, a região conta com mais de 1 mil vinícolas espalhadas pelo seu território.

Para você ter uma ideia, ela se autointitula como a terra do sol e do bom vinho. Muito básica, não acha? 

Cote seu seguro viagem com 15% de desconto neste link!

Por lá, além do vinho e da neve, o charme reina nas encantadoras bodegas, que oferecem degustação das mais diversas variações da bebida.

Vem com a gente por esse tour pela exuberante Mendoza e conheça a cidade que produz cerca de 10 milhões de hectolitros de vinho por ano.

Turismo em Mendoza: moeda, língua oficial e curiosidades

Curiosidades do Turismo em Mendoza
Fonte: Pixabay

Localizada na região de Cuyo, na vizinha argentina, a cidade parece que saiu daqueles quadros antigos com montanhas cobertas de neve ao fundo e um vasto campo verde aos seus pés.

E não pense que essa descrição é exagero. Nada disso! Ela é exatamente assim e apaixona turistas de todo mundo que visitam a região.

Falando em turismo, em Mendoza, a população fala o castelhano e não o espanhol como você pode pensar. Por isso, fique atento às expressões da região, pois o idioma tem algumas diferenças do espanhol. 

Uma dica é aprender ou rever alguns termos do castelhano como demonstração de cuidado com os moradores locais. 

Para quem tem dúvida, a moeda corrente no país é o peso argentino, mas na região de Mendoza, o dólar e o real são facilmente aceitos.

Turismo em Mendoza: precisa de visto?

Se pretende fazer turismo em Mendoza e arredores, saiba que a entrada na Argentina é muito tranquila para os brasileiros, pois não há necessidade de apresentar o visto e nem o passaporte.

Você pode desembarcar no país dos hermanos apenas com o documento de identidade, desde que esteja dentro da validade, que é de 10 anos.

Precisa de seguro viagem para turismo em Mendoza?

Seguro Viagem para Mendoza
Fonte: Pixabay

A Argentina não exige que os turistas brasileiros contratem um seguro para viajar ao país. Mas mesmo sem essa obrigatoriedade é fundamental que você faça um seguro para garantir que sua trip por Mendoza seja tranquila.

Isso porque, em caso de problemas de saúde, cancelamento ou atraso de voo, extravio de mala ou um acidente, por exemplo, o seguro viagem te oferece todo o respaldo necessário e também garante reembolso de despesas.

Não caia na besteira de viajar sem fazer um bom seguro. Na hora de contratar a melhor opção, conte com o site comparador Seguro Promo, que te apresenta os planos com as coberturas mais recomendadas e os preços mais baixos.

Veja alguns exemplos de planos para a América do Sul:

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 15 Affinity 15 Assistência médica USD 15.000 Bagagem extraviada USD 1.000 (SUPLEMENTAR) R$ 9/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*

Qual a melhor época para viajar para Mendoza?

Se o seu objetivo é ver neve e passar dias aconchegantes na terra do sol e do bom vinho, certamente a pergunta sobre qual a melhor época para viajar para Mendoza, será respondida facilmente.

Sendo assim, o inverno é a estação mais recomendada para quem quer apreciar um passeio pelo frio argentino tomando um bom vinho e curtindo dias de céu azul e ensolarado.

Mas não se engane, por lá, nesta época, as temperaturas ficam em torno de 10 graus, sendo que na madrugada elas podem cair de forma considerável. 

No entanto, as estações mais quentes, como a primavera e verão, são ótimas opções para quem quer fugir do frio argentino.

Mas não se preocupe, porque ambas as temporadas oferecem boas possibilidade de passeios pelas vinícolas e de práticas de esportes radicais

Turismo em Mendoza no inverno

Turismo em Mendoza no inverno
Fonte: Pixabay

Mendoza atrai o interesse dos turistas em todas as estações. As paisagens até podem mudar, mas as belezas naturais continuam as mesmas durante os 365 dias do ano.

Para quem pretende fazer turismo em Mendoza, Argentina, durante o inverno, prepare-se para curtir dias deliciosos e muito confortáveis por lá.

Aliás, é sempre bom lembrar que a cidade possui uma excelente infraestrutura de restaurantes, hotéis e pousadas para receber os turistas. Nos dias mais frios, a paisagem colorida dos campos e das montanhas, dá lugar para o branco dos flocos de neve.

Os passeios nesta época são garantidos e deliciosos. Mas para apreciar o frio argentino, uma dica é levar roupas quentes e botas para curtir as atividades ao ar livre sem se incomodar com as baixas temperaturas. 

A Punta del Inca, por exemplo, é um lugar deslumbrante para conhecer no inverno, pois o local possui uma formação geomorfológica com 48 metros de comprimento nas cores amarelo, laranja e ocre.

Ah, claro que por lá, os esportes na neve também fazem muito sucesso, como o esqui e snowboard, por exemplo, assim como os lindos parques da região cheio de árvores, lagos, praças e museus.

Vale muito a pena conhecer a cidade nesta temporada.

Esportes na neve

Mendoza é dona de centenas de vinícolas, produz um dos vinhos mais apreciados do mundo e ainda está aos pés da Cordilheira dos Andes! Se não bastasse tudo isso, a cidade atrai turistas também pelos esportes de aventura na neve. 

A região favorece (e muito) a prática deste tipo de esporte. Por lá, é possível fazer trilhas e escaladas no monte Aconcágua, além de rafting, uma das modalidades mais populares entre os turistas que visitam a região.

Se não tiver medo de altura, o parapente também é uma opção bem bacana para contemplar as paisagens de Mendoza do alto.

É incrível e, certamente, esse é um passeio que vale muito a pena incluir no turismo em Mendoza, Argentina. Por lá, dá para andar a cavalo, esqui e snowboard também.

Turismo em Mendoza no verão

Turismo em Mendoza no verão
Fonte: Pxhere

A cidade é linda o ano inteiro, ora com suas paisagens branquinhas, ora com seus campos verdes e floridos. Por isso, qualquer época que escolher, vai apreciar o turismo em Mendoza da melhor forma.

Se pretende viajar para a cidade no verão, opções turísticas não faltam. Nesta época, você encontrará uma Mendoza alegre, de céu azul e um calor muito agradável, já que as temperaturas nesta temporada chegam a 25 graus, em média.

Pode ser que encontre um pouco de chuva, mas nada que atrapalhe o seu passeio por essa cidade surpreendente. Um dos passeios principais durante o ano todo é o tour pelas vinícolas, que ficam ainda mais surpreendentes no verão.

Além de conhecer as plantações, as termas de Cacheuta fazem muito sucesso nesta época e os turistas ficam enlouquecidos com as águas das piscinas naturais, que estão sempre quentinhas, em torno de 40 graus.

Como se não bastasse, elas estão localizadas entre as montanhas. Um lugar perfeito para contemplar a paisagem e relaxar.

Outra atração por lá nesta época são os parques espalhados pela região, como o Parque San Martín e o Parque Aconcágua. Os esportes radicais também estão presentes no verão de Mendoza, assim como o passeio pelas vinícolas.

Conhecer os parques e as vinícolas da região

Falando nisso, os parques e as vinícolas precisam constar do seu roteiro de turismo em Mendoza e arredores. Aliás, por toda a cidade, os turistas têm a possibilidade de conhecer mais de 200 vinícolas abertas para visitação. 

Mas para conhecer as bodegas, como também são conhecidas, é preciso fazer um agendamento prévio. O mais legal é que os passeios permitem que os turistas conheçam os vinhedos, os espaços onde a bebida é produzida, incluindo ainda a degustação de vinhos.

Para fechar, muitas vinícolas finalizam o tour com um belo almoço regado de deliciosos tipos da bebida.

Quais as melhores vinícolas para visitar em Mendoza?

Vinícolas famosas em Mendoza
Fonte: Wikimedia Commons

Escolher as melhores vinícolas para conhecer certamente não será uma tarefa fácil, afinal, são cerca de 200 opções. Mas para te dar uma ajudinha, vamos dar algumas dicas das melhores opções em Mendoza.

Bom, você precisa começar o seu passeio pela rota do vinho argentino, que fica na região de Cuyo e abriga mais de 80% das vinícolas. Cada região é responsável por produzir um tipo diferente de vinho. 

Na parte norte, são produzidos vinhos brancos. No leste, o vinho tipo Malbec é um dos principais.

No Valle de Uco, os destaques são os vinhos mais ácidos e, no sul, a bebida do tipo Denominação de Origem Controlada, de qualidade superior, é a principal.

Entre as melhores vinícolas para conhecer, destacam-se a Bodega Catena Zapata, um dos vinhos mais procurados; a Bodega Salentein; a Bodega Andeluna Cellars e a Bodega Lagarde, no Luján de Cuyo.

Inclua também no seu roteiro turismo em Mendoza, Argentina, a Bodega Carmelo Patti, no Luján de Cuyo e a Bodega Luigi Bosca, no Luján de Cuyo. Além dessas, há muitas outras que merecem ser visitadas na região.

Dicas de turismo em Mendoza

Locomoção: para curtir tudo o que a região tem a oferecer, uma dica é alugar um carro. Mas fique atento às degustações de vinho e cuidado com o limite alcoólico na hora de dirigir.

Hospedagem: existem muitas opções de hospedagem por lá, tanto no centro quanto no campo. A nossa dica é escolher a segunda opção, pois ela facilita os passeios pelas vinícolas. 

Visitas: na hora de conhecer as vinícolas, uma dica é escolher cerca de três por dia, para que você consiga apreciar os passeios e não ficar alcoolizado. 

Cordilheira dos Andes

Cordilheira dos Andes
Fonte: Pixabay

Um lugar deslumbrante com uma das vistas mais impressionantes do mundo.

A Cordilheira dos Andes é considerada a maior do mundo em termos de extensão, abrangendo, além da Argentina, territórios da Colômbia, Venezuela, Equador, Chile, Peru e Bolívia. 

Os passeios oferecidos na região são chamados de tour e levam os visitantes ao Parque Provincial Aconcágua, na Alta Montanha. Tudo é lindo e, sem dúvida, uma experiência inesquecível. 

Visita a Ushuaia

Nesta região, a paisagem vai te deixar de queixo caído. Sim, ela também lembra um quadro de tão magnífica e perfeita que é. Ushuaia é chamada de fim do mundo. 

Está gostando das nossas recomendações de turismo em Mendoza? Dicas não faltam neste artigo. Por isso, inclua Ushuaia no seu roteiro, pois ela dá acesso também às regiões glaciares da cordilheira Darwin e também ao canal Beagle. 

Por lá, você encontrará montanhas, lagos, rios e bosques. Se gosta de uma aventura, este é o lugar certo. 

Trilha no Parque Nacional Aconcágua

Parque Nacional de Aconcáguas
Fonte: Pixabay

A região é um espetáculo como toda a região de Mendoza. Esse é um passeio que deve fazer durante a sua viagem, pois o Parque Nacional Aconcágua conta com uma das montanhas mais altas de todo o planeta, perdendo apenas para montanhas do continente asiático. 

Durante a trilha, lindas paisagens te acompanharão durante todo o percurso. O cenário se mistura às montanhas cobertas de neve e campos verdes. 

O passeio tem duração de 12 horas e o final da linha fica em Confluencia. Depois da caminhada, você poderá fazer um almoço saboroso e descansar por lá. 

Tour pelo Museo del vino

Se aprecia um bom vinho, o tour pelo Museo Del Vino precisa estar na sua lista de atrações em Mendoza. 

Isso porque, no local, você encontrará um acervo muito completo da produção de vinho desde os tempos de colônia, como carros, ferramentas, arreios, entre outros.

Fundado em 1885, o local abriga ainda acervo de arqueologia e de Cuyana com cerca de 600 peças. É muito interessante!

Quantos dias são necessários para conhecer Mendoza?

Dicas para turismo em Mendoza
Fonte: Freeimages

Na hora de preparar sua viagem de turismo em Mendoza, dicas são sempre bem-vindas, não é mesmo? Portanto, para curtir dias deliciosos na cidade argentina, o ideal é que fique entre 5 e 6 dias para apreciar as atrações turísticas.

Isso porque, é preciso reservar, pelo menos, um dia inteiro para conhecer a Alta Montanha e depois escolher as vinícolas que quer visitar por lá.

Neste período, é possível conhecer ainda algumas cidades que ficam ao redor de Mendoza, como Luján de Cuyo, Maipú e o Valle de Uco.

Faça sua cotação de seguro viagem para turismo em Mendoza

Agora que você já tem as dicas sobre o turismo em Mendoza, chegou a hora de pesquisar o seu seguro viagem e fazer a contratação. 

Para isto, conte com o Seguros Promo, que te ajuda a encontrar planos com as principais coberturas e com os preços que cabem no seu bolso. Olha só:

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 15 Affinity 15 Assistência médica USD 15.000 Bagagem extraviada USD 1.000 (SUPLEMENTAR) R$ 9/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*

E aí, pronto para sua próxima experiência de viagem? De Promo você pode!

Aprenda muito mais sobre a América do Sul!

Veja também


Melhor preço garantido
faça uma cotação e confira.
Conecte-se com a gente