icone segurospromo
Cobrimos qualquer oferta!
Garanta o menor preço do mercado
Pesquisar!
29 setembro - 8 minutos de leitura.

Aurora boreal: o que é, onde ver e como se planejar para a aventura 

Chris standing up holding his daughter Elva Dicas de Viagem

De uma forma simples, a aurora boreal, também chamada de aurora polar, pode ser definida como um verdadeiro show de luzes no céu, que mistura vermelho, laranja, azul, verde e amarelo. 

Mas nem todo mundo tem o privilégio de olhar para cima e ver este espetáculo de cores e brilho — esse fenômeno visual só pode ser avistado nos Polos Norte e Sul da Terra.

Ficou curioso para saber melhor como se dão esses eventos, onde é possível apreciá-los e como se organizar para essa expedição? A gente conta para você neste artigo!

Cote seu seguro viagem no Seguros Promo e ganhe 15% de desconto com nosso cupom.

O que é aurora boreal e onde ocorre?

O fenômeno acontece quando partículas do Sol (os chamados ventos solares) se chocam com o campo magnético da Terra e são puxadas para os polos, ionizando outros elementos.

É possível ver o céu colorido durante a noite ou no fim da tarde nos meses de fevereiro, março, abril, setembro e outubro, quando a atividade solar é maior. 

O nome aurora boreal é dado quando o fenômeno acontece em regiões perto do Polo Norte. O mesmo ocorre no Polo Sul, e recebe o nome de aurora austral.

Os planetas Júpiter, Marte, Vênus e Saturno também têm ocorrências da aurora boreal. Na Terra, a maior incidência é registrada na Lapônia, uma região da Finlândia. 

Vantagens Promo tem as melhores ofertas para você economizar na sua viagem! Encontre cupons e descontos para passagem aérea, hotel, aluguel de carro, e muito mais! Clique aqui e confira.

O que provoca a aurora boreal?

Ao entrar na atmosfera terrestre, as partículas solares são canalizadas pelo campo magnético da Terra e se concentram nos polos. 

Com isso, outros elementos são encontrados nas camadas mais altas da atmosfera, e são formados pontos luminosos e faixas circulares ou horizontais, cheias de cores. A variedade é produzida pela irradiação de diferentes íons.

Sua aventura pede um seguro viagem!

Seguro Viagem: Seguros Internacionais
GTA 75 EUROMAX GTA 75 EUROMAX Assistência médica USD 75.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 25/dia*
APRIL 60 USA Basic APRIL 60 USA Basic Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 41/dia*
Intermac 60 Prata Intermac 60 Prata Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 500 (SUPLEMENTAR) R$ 22/dia*

Antes de saber quais lugares têm aurora boreal, saiba que, independente da sua escolha, ter um seguro viagem contratado fará toda a diferença nessa expedição.

Você poderá enfrentar algumas situações adversas e climas extremos, e o percurso até os destinos podem não ser os mais comuns dentro das rotas turísticas. Dessa forma, contar com apoio e proteção não é apenas prudente, como também é imprescindível.

Outro ponto extremamente importante é que, para a maioria dos países da Europa, a contratação de um seguro com cobertura de no mínimo 30.000 euros para despesas médicas é obrigatória para a entrada.

Quais os países que têm aurora boreal?

Aurora Boreal quais paises
Fonte: Pixabay

Agora que você já sabe o que é, está na hora de ver onde acontece a aurora boreal! O evento pode ser registrado em diversos países europeus e também na América do Norte.

Quer ver a magia das luzes dançantes, mas não pode ir até outro continente? Neste caso, a melhor opção é tentar ver a aurora austral em Ushuaia, cidade da vizinha Argentina.

Se a Oceania for o seu destino, aposte na Nova Zelândia. Quanto mais ao sul, maiores serão as suas chances de ser agraciado pelo espetáculo. Outra região muito indicada são as Ilhas Geórgia do Sul, território de domínio britânico no Oceano Atlântico.

A seguir, saiba mais sobre os países e regiões onde você pode ver um dos mais belos fenômenos da natureza.

Noruega

Próxima ao Círculo Polar Ártico, a Noruega é uma das principais indicações de locais para ver aurora boreal, que pode ser registrada em todo o território norueguês. A melhor época para vê-la é a partir do final de outubro — o período se estende por todo o inverno.

Lembrada como “a capital da aurora boreal”, Tromso é uma excelente escolha para testemunhar o incrível fenômeno natural, já que as chances de vê-lo por lá são bem altas. A cidade ainda possui um dos principais aeroportos da Noruega e ótima infraestrutura turística.

Suécia

Na Suécia, a aurora pode ser vista em Kiruna, no extremo norte, entre os meses de setembro e março. As luzes são propagadas por todo a Lapônia sueca, que abrange cerca de um quarto da área do país.

Durante sua passagem, aproveite para visitar a estação Sky Aurora, em Abisco, e o vilarejo Jukkasjäsvi, onde está localizado o célebre Icehotel — o maior hotel de neve e gelo do planeta.

Finlândia

Aurora Boreal Finlandia
Fonte: Pixabay

Na Finlândia, a aurora polar acontece 200 noites por ano! Você só precisa se programar para observar o céu em um dia sem nuvens, e suas chances de ver as lindas luzes são altas. 

Elas podem ser vistas entre o final de setembro e começo do mês de abril — as melhores épocas são de outubro a novembro e de fevereiro a março.

A região de Rovaniemi é um dos melhores locais na Finlândia onde pode-se ver a aurora boreal. Já o monitoramento da atividade é feito em Sodankyla, no Centro de Investigação de Auroras Boreais.

Em Luosto, no norte do país, há até mesmo uma oferta de hotéis que possuem tetos de vidro e disponibilizam “alarmes de auroras”, que tocam toda vez que as luzes aparecem no céu. Uma das opções para estadia é o Hotel Aurora Chalet. 

Se você quer ver o espetáculo de cores no céu no conforto de uma cama quentinha, no Hotel Kakslauttanen, na Lapônia Finlandesa, os hóspedes dormem em iglus de neve ou vidro, e podem ter a oportunidade de deitarem à luz do fenômeno.

Quando o céu está claro, a cidade de Nellim é outro ponto da Finlândia onde é possível admirar o evento. Na ponte Paatsjoki, você possui 90% de probabilidade de testemunhar o incrível show de luzes.

Outra dica legal para os caçadores de auroras polares é o tour Nellim Aurora Quest, que acontece todos os anos, entre dezembro e março. Os visitantes são guiados até o local mais indicado para ver as auroras.

    Está gostando do conteúdo?
    Receba as melhores dicas de
    viagens no seu e-mail!

    Fique tranquilo, não enviamos spam!

    E-mail cadastrado com sucesso!
    A partir de agora, você receberá as melhores dicas de viagem diretamente no seu e-mail.

    Escócia

    Apesar das auroras boreais não serem tão comuns na Escócia, elas ainda acontecem nas noites claras de inverno. A capital das Terras Altas, Inverness, está localizada em latitudes árticas, sendo o melhor lugar da região para admirar o céu colorido.

    Programe sua viagem entre os meses de outubro e março, e durante a estadia, conheça também o Parque Nacional Cairngorms, a Ilha de Skye e o famoso Lago Ness — em todos esses lugares, você pode ter a sorte de ser presenteado com as belas luzes dançantes.

    Ilhas Faroe

    O arquipélago, dependente da Dinamarca, está localizado ao norte da Escócia, entre o Mar da Noruega e o Atlântico Norte. Também é um ótimo destino para observar o fenômeno quando o clima está bom, com dia mais limpo e céu claro.

    Os meses com maiores probabilidades são em setembro e em abril. É possível chegar à capital, Thorshavn, de avião ou barco, partindo de Copenhagen. Para conseguir observar melhor as luzes, o ideal é ficar mais distante da cidade.

    Rússia

    Aurora Boreal Russia
    Fonte: Pixabay

    No noroeste do país, a Península de Kola é um dos locais mais procurados para apreciar a aurora boreal na Rússia — mas com uma extensão territorial tão ampla, há muitos lugares para registrar o fenômeno, que geralmente pode ser visto entre o final de setembro e março.

    Na região de Murmansk, onde está situada a península, uma das vantagens é que o inverno é considerado ameno, com temperaturas entre -10 e -15ºC. A dica para aumentar suas chances é seguir até a aldeia de Teriberka.

    Seguindo para as montanhas Khibiny, as temperaturas caem, mas as chances de ver a aurora aumentam. Avalie ir até as cidades de Arkhanguelsk, Petrozavodsk,  Naryan-Mar, Vorkuta e Iakutsk — nos arredores, as oportunidades podem ser ainda maiores.

    Groenlândia

    Para quem gosta de aventura, é o destino ideal para se encantar com este fenômeno natural. Faça sua viagem entre os meses de setembro a abril para incluir o encanto pelas luzes dançantes no roteiro!

    As auroras boreais podem ser registradas em quase todo o território da Groenlândia, mas os locais mais acessíveis estão no sul e no leste, em Kulusuk e Ammassalik, por exemplo. Outros pontos interessantes são Kangerlussuaq, Sisimiut, Ilulissat e Nuuk.

    Canadá

    Aurora Boreal Canadá
    Fonte: Pixabay

    Com grande extensão territorial, as cidades do Canadá oferecem vários pontos para ver como acontece a aurora boreal.

    Em Yukon, perto do Alasca, os lugares indicados são a rodovia Dempster Highway e a cidade de Whitehorse. Há ainda o Parque Provincial Muncho Lake, na Colúmbia Britânica; a estação de pesca Battle Harbour; Fort McMurray, em Alberta, e a cidade La Ronge.

    Quer aumentar suas chances de voltar para casa com a “missão cumprida”? Coloque as cidades de Iqaluit e Yellowknife no itinerário! Por serem mais afastadas e menos povoadas, a poluição luminosa é menor, e você terá mais facilidade para ver o show ao olhar para o céu.

    No Canadá, os melhores meses para presenciar o evento são setembro e outubro, sendo que fevereiro e março também são boas épocas para caçar as famosas luzes.

    Estados Unidos

    O estado norte-americano do Alasca é um dos pontos mais tradicionais do planeta para encontrar o fenômeno de luzes coloridas. A recomendação é fazer a visita em fevereiro ou março, últimos meses de inverno nos Estados Unidos.   

    A atraente infraestrutura turística de Fairbanks chama a atenção dos viajantes e costuma ser o primeiro ponto escolhido para a aventura. Por lá, as fontes termais da Chena Hot Springs são um point bem visado.

    Para fechar nossas dicas para a região, não deixe de conferir a previsão de auroras boreais feita pela Universidade do Alasca, e considere se programar para curtir o espetáculo também no Parque Nacional de Denali.

    Islândia

    Aurora Boreal Islândia
    Fonte: Pixabay

    Fazer uma viagem para a Islândia é uma das melhores formas de encontrar a aurora boreal na Europa, já que o país tem uma localização perfeita para presenciar o fenômeno natural. Os meses ideais vão de setembro a abril, e o nordeste é a região mais indicada.

    Em certos locais, as noites chegam a durar 20 horas no equinócio de inverno, aumentando as chances de luzes mais visíveis e até com uma duração mais prolongada.

    Um dos lugares para observar a aurora polar é nas planícies do Parque Nacional de Pingvellir, próximo a Reykjavik, capital do país. 

    Ainda há empresas e profissionais que prestam serviços para turistas que estejam em busca das famosas luzes, o que pode ser muito vantajoso, já que assim você irá contar com a contribuição de pessoas que possuem experiência nas “caçadas às auroras”.

    A recomendação é contratar um pacote com pelo menos sete dias, e incluir diferentes áreas pelo país.

    Como ver a aurora boreal: dicas para se planejar

    Se você quer planejar uma viagem bem sucedida aos países que têm aurora boreal, é essencial ficar atento às orientações para conseguir testemunhar essa obra da natureza.

    O primeiro ponto é a estação: o inverno sempre será a escolha mais acertada para registrar o fenômeno. Evite períodos mais nublados, pois isso irá dificultar a visualização, e procure ficar distante das grandes cidades.

    Turistas dispostos a partirem em jornadas para encontrar a aurora boreal mais linda do mundo também devem ter mais dois pontos em mente: roupas apropriadas e um bom equipamento.

    Na vestimenta, invista em peças que possam lhe aquecer desde temperaturas consideradas mais amenas até elevados graus negativos, e priorize os tecidos impermeáveis. Quanto aos equipamentos, câmera profissional, lentes claras e tripé são itens que vão fazer a diferença.

    Por fim, quanto mais informações você tiver sobre o fenômeno, melhor conseguirá desfrutar da experiência. Faça o download de aplicativos, estude os gráficos e conceitos e conte com especialistas para obter as melhores direções.

    Priorize sua segurança!

    Seguro Viagem: Seguros Internacionais
    GTA 75 EUROMAX GTA 75 EUROMAX Assistência médica USD 75.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 25/dia*
    APRIL 60 USA Basic APRIL 60 USA Basic Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.000 R$ 41/dia*
    Intermac 60 Prata Intermac 60 Prata Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 500 (SUPLEMENTAR) R$ 22/dia*

    Sem dúvidas, conhecer a aurora polar será um momento transformador em sua vida. Poucas situações podem ser comparadas à magia desse evento, que em geral, só pode ser visto em regiões tão distantes.

    A nossa última dica é: faça o melhor que puder para que nada estrague esse registro único! Organize sua viagem com cuidado, escolha as épocas e destinos mais adequados, e nunca deixe de garantir o seu seguro viagem antes de partir.

    Conte com o Seguros Promo para encontrar o plano certo para o país que você escolheu, com as coberturas mais abrangentes para essa jornada.

    Quer ter segurança para ver a aurora boreal de perto e viver experiências incríveis? De Promo você pode!


    Leia também:

    Veja também


    Recomendado para você
    Melhor preço garantido
    faça uma cotação e confira.
    Conecte-se com a gente