Como se preparar para sua primeira viagem internacional?

Como se preparar para sua primeira viagem internacional? Dicas de Viagem
28 outubro - 10 minutos de leitura.

A primeira viagem internacional é, sem dúvidas, uma aventura e tanto!

A experiência de pisar em uma terra estrangeira, conhecer novas culturas e se aventurar fora de seu país de origem é um sonho fantástico.

Afinal, quem não tem vontade de conhecer o mundo todo? Mas para realizar essa vontade, garantindo que tudo saia como planejado, é necessário pensar em uma série de questões antes mesmo de comprar as passagens.

Viajar para o exterior não é algo tão simples como cruzar o Brasil. Há diversos cuidados a serem tomados para garantir a segurança e evitar problemas no território estrangeiro.

Primeira viagem internacional: como planejar

primeira vez no exterior

É bastante comum que, ao planejar sua primeira viagem, surjam muitas dúvidas de diferentes naturezas.

Mas não se preocupe, pois estamos aqui para te ajudar. É claro, os detalhes variam muito de acordo com o destino escolhido.

Entretanto, há inúmeros pontos coincidentes que te ajudarão independentemente do país da sua primeira grande aventura.

O que fazer antes de uma viagem internacional?

Antes de arrumar sua mala, verifique o clima que irá encontrar no país de destino para estar preparado.

Se você vai viajar para uma cidade como Nova York, por exemplo, pode encontrar uma temperatura abaixo de zero, com direito à neve e muito frio, ou pode se deparar com um calor insuportável, se fizer sua visita durante o verão.

Por isso, é importante verificar a previsão do tempo alguns dias antes, para separar as roupas a serem levadas.

E pesquise sobre o clima naquela época do ano, garantindo que as peças adequadas para a estação estarão em sua mala!

Dicas para a primeira viagem internacional

primeira vez no exterior

As passagens aéreas, o hotel, o traslado, etc. Há muitas questões a serem pensadas no momento de preparar uma viagem internacional.

Afinal, o processo é bastante burocrático e há vários detalhes a serem observados para garantir a estadia perfeita.

Entretanto, nada disso valerá se você não tiver seu passaporte em mãos! E essa é apenas a primeira dica da lista que preparamos pra você. Acompanhe:

1. Providencie seu passaporte

O passaporte é a porta de entrada para o desembarque em muitos países e a sua emissão é bastante simples.

Tudo que você precisa fazer é acessar o site da Polícia Federal, fazer a solicitação e efetuar o pagamento da taxa.

Uma data e local serão agendados para buscar o documento pessoalmente em um prazo pré-determinado.

Por isso, é importante fazer a solicitação com antecedência para não passar aperto no momento de embarcar para o exterior.

Verifique se o passaporte realmente é necessário, pois para alguns países, como a Argentina, por exemplo, apenas a carteira de identidade é suficiente.

2. Veja documentos necessários

primeira vez no exterior

Como já vimos, destinos diferentes podem fazer suas próprias exigências de documentação.

Isso pode incluir o cartão de vacina, para regiões que estejam fazendo controle de epidemias ou tenham alto risco associado a certas doenças, como a febre amarela.

O passaporte pode ou não ser obrigatório, apesar de ser sempre bom andar com o seu atualizado. Mas é certo que será exigido um documento oficial com foto, como o seu RG.

Outras documentações podem variar com as atividades que pretende, como uma permissão internacional para dirigir.

E quando é exigido o visto, é bom ficar esperto pois o processo de aquisição costuma ser mais exigente.

3. Verifique a necessidade de visto de permanência

A maior parte dos países possibilita a estadia de brasileiros sem visto durante um período de 90 dias.

Mas se o seu desejo for ficar um tempo maior do que esse, é preciso tirar seu visto antes de embarcar, justificando o motivo da viagem e a finalidade de sua permanência no país.

A autorização é dada de acordo com as regras do país de destino, e o tempo de espera também varia.

A Austrália, por exemplo, é famosa entre os intercambistas por sua demora para a liberação do visto, deixando os viajantes aflitos e esperando a aprovação que costuma sair dias antes da viagem.

Por isso, é importante fazer a solicitação com muita antecedência.

4. Providencie um seguro para a viagem

seguro para viagem internacional

Muitos acreditam que o seguro de viagem internacional é dispensável, entre tantas outras despesas. Mas acredite, ele pode ser sua salvação em uma emergência.

Imagine que você está do outro lado do mundo e tem um problema de saúde, ou até mesmo sofre um pequeno acidente enquanto caminha.

Seu seguro, nessa situação, pode agilizar seu atendimento e facilitar a localização do ponto de atendimento mais próximo. E o melhor: com tratamento gratuito!

Se o valor do tratamento estiver abaixo do limite da sua cobertura, você será totalmente reembolsado, ou nem mesmo precisará pagar, se estiver em uma unidade conveniada.

Muitos países da Europa, inclusive, só deixam desembarcar os turistas que tenham um seguro viagem, pois ele é obrigatório para a entrada e permanência de turistas.

É muito mais fácil passar por uma pequena burocracia e gastar um pouco mais durante o planejamento do que ter sérios problemas a milhares de quilômetros de casa, não é mesmo?

Seguro Viagem: EUA
GTA 130 GLOBAL GTA 130 GLOBAL Assistência médica USD 130.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 26/dia*
AC 150 + TELEMEDICINA AC 150 + TELEMEDICINA Assistência médica USD 150.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 22/dia*

5. Tome as vacinas necessárias

Existem alguns países em que os estrangeiros precisam tomar vacinas para desembarcar. Se você não estiver com seu cartão em dia, sua entrada pode ser simplesmente negada.

Por isso, certifique-se de tomar todas as vacinas solicitadas, tanto para garantir sua própria saúde como para não espalhar vírus de seu país de origem por outros lugares.

Alguns países da África do Sul, por exemplo, exigem o Certificado Internacional de Vacinação, para ter certeza de que os turistas estão prevenidos contra uma série de doenças comuns na região, como a febre amarela, por exemplo.

É importante não deixar essa tarefa para a última hora, pois as vacinas podem causar alguns leves efeitos colaterais, além de possuírem prazos para a garantia de que o indivíduo esteja 100% imunizado.

6. Confira o Câmbio

Primeira viagem internacional

Fonte: PxHere

No momento, o Brasil é o único país que utiliza o Real. Se vai fazer viagem internacional, saiba que nem sempre vai poder contar com um cartão!

Alguns lugares podem aceitar apenas dinheiro físico, em espécie. Mas usar cartões ainda é bem prático e bem aceito, então é interessante levar os dois.

Fique atento às taxas que podem ser cobradas em cada caso e não se esqueça que tudo vai depender da taxa de câmbio.

Se o Real estiver desvalorizado, ou se a outra moeda estiver muito em alta, você pode acabar pagando caro.

Isso é especialmente perigoso para cartões de crédito, já que o câmbio é contado não no momento da compra, mas sim no momento do fechamento da fatura.

Fique atento para não se surpreender com as contas!

7. Confira o fuso horário do seu destino

Se estiver viajando para a américa do sul ou central, pode acabar não tendo grandes problemas além de um ajuste de horário e algum estranhamento.

Mas em locais mais ao leste da América do Norte, ou na Europa e África, e principalmente na Ásia e Oceania, a diferença de horário é grande.

Por mais que seus relógios possam ser ajustados facilmente, seu corpo ainda estará acostumado com a sua noção de dias e noites.

Então é como se você passasse a dormir durante o dia e ficar acordado a noite toda. Esse efeito, conhecido como jet lag, pode causar fortes incômodos e muito mal estar.

Portanto, nesses casos, inclua em seu planejamento um tempo para descansar até se acostumar a essas novas condições!

8. Monte um roteiro turístico com antecedência

Primeira viagem internacional

Fonte: Banco de Imagens

Montar um roteiro com os principais locais em que se deseja fazer uma visita é essencial.

Ao chegar em um país onde você jamais esteve, pedir informações e se localizar na cidade de destino pode ser algo bastante complicado, principalmente se você não for fluente na língua local.

Por isso, faça uma pesquisa aprofundada sobre os pontos mais atraentes e monte um mapa.

Construa um roteiro diário, fazendo com que os pontos turísticos que ficam na mesma região sejam visitados no mesmo dia.

Além disso, também é interessante pesquisar por restaurantes e casas noturnas a serem visitados, verificando o preço médio que será gasto em cada local.

Assim, além de saber onde ir, você também acaba fazendo um bom planejamento financeiro para a viagem.

9. Leve um kit primeiros socorros para a viagem internacional

O alvo dos preparativos pode já ser a própria viagem até seu destino. Para os mais compridos, alguns viajantes podem ter problemas como enjoos ou dores de cabeça.

É mais importante ainda para quem toma remédios controlados. Procure sempre andar com as prescrições médicas em mãos, para evitar problemas!

Mas aproveite para carregar outras utilidades, como repelentes, colírios e protetor solar.

Se quiser garantir que estará bem equipado, confira o kit de primeiros socorros preparado pelos nossos parceiros lá do Embarque na Viagem!

Dicas de aeroporto para primeira viagem internacional

primeira vez no exterior

Ao planejar sua viagem, considere todas as etapas que envolvem o aeroporto.

Afinal, é um péssimo momento para ter azar, já que isso pode resultar no cancelamento de toda a sua viagem.

Garanta que não vai haver estresse, atraso e problemas com as dicas a seguir:

Itens permitidos na bagagem internacional

Fique atento às definições da sua companhia aérea para quais itens são proibidos na bagagem de mão e na despachada.

As restrições são maiores para a bagagem de mão, que vai com você na cabine do avião.

Itens cortantes ou pontiagudos metálicos, por exemplo, podem ser levados somente se despachados.

Mas em alguns casos, como nos produtos ácidos, inflamáveis ou explosivos, a proibição vale até para o despache!

Chegue cedo no aeroporto

Mas é cedo mesmo, hein? Pode parecer exagero, mas quanto mais caro e longo for o voo, maior poderá ser seu prejuízo se perdê-lo.

Pense assim: se você chegar em cima da hora, qualquer imprevisto te fará atrasar e arriscar ficar pra trás.

Mas se chegar com uma ou duas horas de antecedência, dá pra ir tranquilamente até o aeroporto.

Para a maioria dos azares, você ainda estará em tempo de chegar sem precisar correr!

Faça o check-in com antecedência

Várias companhias permitem que você faça check-in antes mesmo de chegar ao aeroporto, através de sites ou aplicativos.

Se for possível, resolva essa etapa assim que puder para não precisa enfrentar tantas filas!

Isso, além de ser menos cansativo, se torna uma garantia a mais de que não vai sofrer atrasos em caso de imprevistos.

Sala de embarque

Já chegue com tudo preparado, não deixe nada para última hora! Assim, chegando com antecedência, o tempo ficará reservado a lidar com eventuais imprevistos.

Mas também, caso nada de ruim aconteça, sobra mais tempo para conversar, relaxar, lanchar…

É só se preparar para fazer um passeio tranquilo e sem contratempos.

Relaxe durante seu voo

Agora, já com tudo encaminhado, resta apenas curtir o voo até chegar seu destino.

Se a viagem for muito longa, dê uma olhada nas opções que as companhias oferecem para descanso, lazer e culinária!

Em alguns casos, vale a pena pagar um adicional para ter uma qualidade bem maior em seu trajeto!

Destinos mais escolhidos para primeira viagem internacional

destinos primeira viagem internacional

Fonte: Unsplash

Está em dúvida sobre qual destino escolher como seu primeiro para viagem internacional?

Verifique a lista dos mais visitados. Milhares de turistas partem do Brasil para o exterior o tempo todo, então não tem erro!

Aqui vão algumas sugestões:

Buenos Aires

A capital argentina é uma ótima opção para ser sua primeira viagem internacional, já que não é das mais distantes, geograficamente ou culturalmente.

Apesar de haver a fama da rivalidade entre brasileiros e argentinos, quando o assunto é um bom churrasco, ninguém recusa!

Se quiser ficar por dentro da história de lá, visite a Casa Rosada, a sede da presidência e onde acontecem muitas visitas guiadas.

Ou considere pontos culturais, como a Catedral Metropolitana de Buenos Aires ou o Museu Nacional de Belas Artes!

Montevidéu

Outro destino próximo do Brasil, se você for de avião, e bem próximo de Buenos Aires, mas desta vez no Uruguai.

Lá, no Mercado del Puerto você encontra maravilhosas opções culinárias e ainda pode aproveitar pra fazer algumas compras!

E a vida à noite traz muito agito. Espere muita dança, música, bebidas e festa nos bares que se encontram na região central.

Santiago

Primeira viagem internacional

Fonte: Unsplash

O próximo destino da lista é o Chile, um país de grande variação climática de norte a sul. Mas não se preocupe, Santiago está próximo de Buenos Aires e Montevidéu!

Esse clima é mais frio que o Brasil, em geral. Mas ainda apresenta calor em certas épocas do ano.

As atrações são muitas, como o Mercado Central, a histórica Plaza das Armas e os ricos Museo Histórico Nacional e Museo Chileno de Arte Precolombino.

Cancun

Saindo do climas amenos dos últimos destinos, Cancún é pra quem quer curtir o calor em alguns dos melhores lugares pra altas temperaturas: praias paradisíacas.

Localizada no México, essa é uma das principais atrações para turistas interessados na América Central, e agrada a todas as faixas etárias.

Resorts luxuosos pra quem quer relaxamento, praias badaladas pra quem quer curtir e muitos bares e restaurantes para acompanhar!

Lisboa

Portugal é muito procurado por brasileiros, e não apenas para turistas, mas também para trabalho e estudos.

Mas não é como se faltasse o que fazer por lá. São inúmeros pontos turísticos como o Mosteiro dos Jerônimos e a Torre de Belém.

Isso sem falar das vinícolas! Isso tudo com um clima bem similar ao nosso, mas mais ameno e com estações mais bem definidas.

Paris

Primeira viagem internacional

Fonte: PxHere

Ainda na Europa, Paris é mais um dos destinos que está, desde muito tempo, sempre pronto para receber turistas.

Como pensar na França sem se lembrar da Torre Eiffel, não é? Pontos como o Arco do Triunfo certamente merecem uma visita.

Mas por toda a cidade você pode encontrar uma ótima infraestrutura, seja nos parques, jardins ou em centros comerciais ou culturais.

Miami

Em uma das pontas mais ao sul dos Estados Unidos, Miami é um local ensolarado e praiano.

Mas é claro, não se limita a isso. Sabendo que receberão inúmeros visitantes todo ano, as lojas, hotéis, bares e restaurantes se preparam bem.

Visite o downtown da cidade para comprovar que as atrações por lá não estarão em falta!

Cotação Seguro Viagem

Agora que você já sabe tudo que precisa ser feito antes de sua primeira viagem internacional, é só fazer as malas e aguardar a tão sonhada data de embarque.

Caso você ainda tenha alguma dúvida ou sugestão sobre a sua primeira viagem para o exterior, fique à vontade pra fazer contato conosco, especialmente se o assunto for o seguro viagem!

Contratar um bom seguro é um passo fundamental para garantir o máximo de tranquilidade, não importa para onde vá.

E se quiser ficar por dentro e não perder as melhores promoções, campanhas e cupons, nos siga nas redes sociais. De Promo, você pode!

Seguro Viagem: Europa
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Affinity 60 Mundo (exceto EUA) Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 19/dia*
AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA AC 50 *COM FRANQUIA (Exceto EUA) + TELEMEDICINA Assistência médica USD 50.000 Bagagem extraviada USD 600 (COMPLEMENTAR) R$ 9/dia*